“O SEXO ORAL E O HIV/AIDS”


Históricamente tem sido muito difícil determinar qual é a quota do sexo oral na transmissão do HIV, “visto que poucas pessoas praticam somente este tipo de sexo, mas, pelo contrário, muitas pessoas praticam sexo vaginal e anal, que são rotas conhecidas para a transmissão do HIV”.

Qual é o potencial de risco do sexo oral? A probabilidade de uma pessoa HIV-positiva transmitir o vírus para uma pessoa HIV-negativa depende do tipo de contato entre elas. O HIV é mais facilmente transmitido através de sexo anal e vaginal sem proteção (sexo sem camisinha), objetos injetáveis compartilhados e de mãe para filho. “O sexo oral tem demonstrado ser uma atividade menos arriscada do que as acima citadas, porém ainda envolve risco. É importante lembrar também que outras infecções sexualmente transmissíveis, tais como sífilis, herpes e gonorréia, são transmitidas facilmente através do sexo oral”.

Foram publicados nos últimos anos alguns estudos sobre os riscos de transmissão do HIV através do sexo oral. Um estudo americano revelou que de 122 homens homossexuais portadores de HIV, 8% afirmaram que o sexo oral era sua única atividade de risco. “Entretanto, alguns desses homens admitiram mais tarde ter feito sexo anal sem proteção”. Em um estudo realizado recentemente, com mais de cem casais, dentre os quais um dos parceiros era HIV-positivo, nenhum caso de transmissão do HIV foi encontrado num período de mais de dez anos. Outro estudo desenvolvido nos EUA, envolvendo gays, afirmou que o risco é de fato zero, porém não excluiu a possibilidade. “O Serviço de Laboratório de Saúde Pública do Reino Unido estima que entre 1% e 3% dos casos de transmissão de HIV resultam de sexo oral”.

Quando o sexo oral é mais arriscado? As chances de você infectar outra pessoa com o HIV, através do sexo oral, “aumentam se você tiver uma infecção sexualmente transmissível não tratada(DST)”. A possibilidade de você ser infectado pelo vírus ao fazer sexo oral “aumenta se você tiver cortes, feridas ou esfoladuras na boca ou gengivas, ou se tiver uma infecção na garganta ou na boca causando inflamação, incluindo as sexualmente transmissíveis”. Os testes de carga viral sugerem que vestígios do HIV são quase sempre encontrados no sêmen. Alta carga viral no sangue pode também significar alta carga viral no sêmen.

O oposto nem sempre é verdadeiro, mesmo que a carga viral esteja indetectável no sangue, pode não estar no sêmen. “Por isso, não se pode afirmar que tomar medicamentos anti-HIV reduzirá o risco do sêmen ser contagioso ou que protege parceiros sexuais”. Os níveis de HIV nos fluidos vaginais variam. Eles podem ser mais altos durante o período menstrual, já que as células que contêm o vírus são expelidas pelo colo e, por isso, são mais facilmente encontradas nos fluidos vaginais juntamente com o sangue. “Portanto, sexo oral torna-se mais arriscado durante o período menstrual”.

Como você pode reduzir os riscos? Há várias maneiras de reduzir os riscos envolvidos no sexo oral. Naturalmente, cada pessoa terá o seu próprio nível de aceitação e, por isso, “você deve escolher o seu”. Caso queira conversar sobre tais questões, faça uma consulta com um(a) profissional da saúde ( médico(a).

Sugestões para se proteger contra as infecções sexualmente transmissíveis por via ORAL:

 Abster-se de sexo oral por não querer correr nenhum risco de transmissão pelo HIV.

 Reduzir o número de parceiros com os quais você faz sexo oral.

 Fazer sexo oral com proteção, usando camisinha nos homens e o ‘dental dams’ (quadrados de látex reutilizáveis após serem lavados com sabão neutro) nas mulheres.

 Optar por ser apenas passivo, já que parece ser mais seguro do que ser ativo.

 Optar por não ejacular na boca do seu parceiro como também não deixar que seu parceiro ejacule na sua.

 Optar por não praticar sexo oral em mulheres durante o período menstrual.

 Cuidar da sua boca. A probabilidade de transmissão do HIV através do sexo oral aumenta se a gengiva dessa pessoa estiver sangrando, se ela tiver aftas, cortes ou esfoladuras na boca. Não escovar os dentes ou usar fio dental antes de fazer sexo oral.

 Fazer, regularmente, exames médicos que identifiquem infecções sexualmente transmissíveis, as quais podem aumentar a probabilidade de você transmitir HIV a um parceiro negativo e, deste modo, reduzir a probabilidade de contrair HIV se você for negativo.

 Não esquecer também que o ÂNUS naturalmente é um local repleto de bactérias e muitas pessoas fazem esse tipo de sexo oral, portanto a prevenção deve ser um hábito obrigatório em todo tipo de sexo oral.

 Não esquecer que além do HIV também existem as DST, HEPATITES, HERPES, SÍFILIS, GONORRÉIA E OUTRAS, que também podem ser transmitidas/adquiridas no sexo oral.

FONTES: MINISTÉRIO DA SAÚDE / AIDSMAP


493 comentários:

1 – 200 de 493   Recentes›   Mais recentes»
Anônimo disse...

Ola Alexandre. o seu blog é maravilhoso...
Passei por uma situação que vem me perturbando desde o dia 06 de junho de 2010, gostaria da sua opinião pelo conhecimento apurado que você tem sobre o assunto. Eu conheci uma pessoa e saímos fiz sexo oral nele no começo com camisinha mais depois fiz a besteira de tirá-la e terminei o sexo oral sem ela quando essa pessoa me falou q iria gozar retirei a boca e terminei masturbando ele ate o gozo mais no dia seguinte me veio o arrependimento e se ele tiver HIV ou DST como hepatite ou herpes? Bem já se passaram 20 dias e estou nervosa demais acha q se eu fizer o teste de HIV já acusaria?
Agradeço-te desde já.

Alexandre disse...

Olá anônima...se você leu a postagem acima, percebeu que no sexo oral (você fazendo) no homem o risco pode ser grande...SE HOUVER EJACULAÇÃO NA BOCA, DST NO PARCEIRO, FERIDAS E INFECÇÕES NA SUA BOCA...existe um risco bem menor QUANDO NÃO HÁ EJACULAÇÃO NA BOCA, como foi o seu caso.
No caso do HIV se você fizer um teste de 4ª geração já pode dar um resultado confiável, outras DST você pode descartá-las consultando-se com um infectologista.
Mas vamos com calma, porque se precipitar não vai adiantar nada e você ficará como a maioria, achando que fez o teste/exames cedo demais.
E também NADA...repito...NADA confirma ou afirma que seu parceiro seja portador de algo, então respire fundo e segunda feira marque uma consulta, que certamente após a mesma você se sentirá bem mais aliviada.

Abraços.

Anônimo disse...

muito obrigada pelo esclarecimento, pela atençao e pela rapidez na resposta entao acha melhor eu esperar uns 30 dias ao menos?
te agradeço.

Alexandre disse...

Oi, faça isso que você ficará muito mais segura e lembre-se que NADA leva a crer que houve uma infecção.

Abraços.

Anônimo disse...

Profundamente informativo o seu blog. O que acontece comigo é meio cômico - passei por um processo de somatização ano passado, achando que tinha algo por conta de lacerações na boca e por fazer sexo oral sem proteção! Depois de muito hesitar e noites em claro fiz o teste e refiz depois de 3 meses, deu negativo. Tratei as lacerações e conheci uma pessoal especial, ela me disse que tinha HIV, estava sendo monitorada e com carga viral baixa e CD4 alto, por isso não estava usando o coquetel ainda (contraiu em 2009). Foi uma oportunidade para acolher e aprender, não transamos, mas a beijei na boca e ela fez sexo oral rápido em mim e ficamos por isso. POrém, lendo certas informações desencontradas sobre beijos e sexo oral passivo as vezes bate uma certa dúvida, não mais a loucura que foi ano passado e antes dos testes, mas ainda bate, estou esperando seis meses para fazer novo teste e me questiono se é realmente necessário.
p.s. antes dos testes só fazia o oral desprotegido, nunca com ejaculação, durante a janela e, sobretudo, depois dos testes nunca mais fiz nem o oral desprotegido, mas permiti que fizessem em mim como preliminar.

Alexandre disse...

Anônimo...São essas informações as vezes desencontradas e as vezes mal interpretadas que influenciam negativamente as pessoas. No seu caso até acredito ser aconselhável este ultimo teste, não por dúvida, mas para QUE VOCÊ definitivamente tire o hiv da cabeça.

Abraços

amanda disse...

Ola Alexandre li a publicação e gostei muito da coerência. Seu blog é de muito bom gosto. Tenho umas duvidas que me coroe há 25 dias exatamente, fiz sexo oral em uma pessoa não muito conhecida minha então foi bem rápida e não deixei q gozasse em minha boca mais fiquei com medo no dia seguinte. Pela sua publicação sei q a chance de contrair HIV é mínima mais estou com medo mesmo assim. mais também tenho medo da hepatite b sei q talvez não possa me responder sobre a hepatite mais gostaria muito se você me desse alguns esclarecimentos sobre a hepatite também pois sinto confiança nas suas afirmações ainda não fui ao medico pois não tenho plano de saúde e a consulta no meu estado é um pouco cara então vou espera 30 dias.
Muito obrigada.

Alexandre disse...

Oi Amanda, você praticamente disse tudo e é assim mesmo, o risco é pequeno mas existe. Quanto as hepatites, que são várias (A, B, C, D)vou lhe indicar o link da SOCIEDADE BRASILEIRA DE INFECTOLOGIA, que é bem explicativo e de fácil entendimento, sendo minha fonte em várias postagens. Entrando nele, do lado esquerdo mais abaixo você terá acesso as explicações completas sobre todas as hepatites ok? Como é muito extenso não daria para colocar aqui.

O LINK :
http://www.infectologia.org.br/publicoleigo/default.asp?siteAcao=mostraPagina&paginaId=9

Abraços e obrigado.

amanda disse...

Alexandre muito obrigada pelo site é otimo mais fiquei com uma duvida ainda voce ja ouviu falar ou conheceu alguem q se contaminou com o hiv ou hepatite por via oral?
obrigada.

Alexandre disse...

Oi Amanda, pessoalmente não conheço ninguém, mas inclusive no local onde faço meu tratamento, as vezes ouço pessoas dizendo que se contaminaram dessa forma.
É verdade?
Não sei!
Estão omitindo algum fato?
Não sei?
O mais importante é......o risco é 'pequeno mas existe'......então para que arriscar e depois ficar vivendo com medo?

Abraços.

ana disse...

ola alexandre gostaria que voce me tirasse uma duvida pois encontrei informaçeos diversas na net que sao contraditoria .
hoje fazem 28 dias q pasei por uma situaçao de risco pelo sexo oral e estou com um cansaço imenso sem causa aparente ja despertei muito cansada pode ser hiv? vou al medico amanha mais é so pra me acalmar momentaniamente obrigada .

Alexandre disse...

Oi Ana, se você leu a postagem acima, viu que apesar de haver o 'risco' no sexo oral, ele é bem menor que nas demais relações, até porque depende de vários fatores.
Cansaço certamente nada tem a ver com hiv e pode ter milhões de causas, até mesmo psicológicas.
Pode se acalmar e amanhã quando estiver com o médico, tire todas as suas dúvidas, pois este profisional é quem tem todos os conhecimentos para lhe dar as informações corretas.

Abraços

Anônimo disse...

boa noite Alexandre gostaria que voce me tirasse mais uma duvida sou a anonima da primeira pergunta
falei com a pessoa que fiz oral no dia 6/06 pedi pra ele fazer um teste de hiv ele mew disse q faria mais q doou saguem no dia 28/05 ele disse q poderia ir no hemocentro pegar o resultadoo q voce acha alexandre acha q mesmo q o resultado seja negativo esse tempo ele pode ter pego algo ou eu do um ponto de confiança. obg

Alexandre disse...

Anônimo...pense comigo: De que adianta você perguntar a pessoa se ela tem ou não hiv?
Se ela não tem, não transmitiu p/ você!
Se ela tem, "PODE OU NÃO" ter transmitido p/ você!
Mas, como é que você pode ter certeza disso?
Fazendo o teste "EM VOCÊ"!
É a unica maneira de saber se você se contaminou ou não, independente se a pessoa é soro+ ou não!

Abraços.

Anônimo disse...

obrigada alexandre como sempre voce tem toa a razao é q pesei q como hepatite b demora pra diagnosticar em torno de 90 dias poderia ficar mais tranquila com relaçao a hepatite b mais como sempre voce é muito sabio
muito obrigada.

guga disse...

Oi.Alexandre sai com uma garota e ela disse que estava menstruada, ai ela fez sexo oral em me e gozei na boca dela, Mais noutro dia fiquei preocupado e pensativo.3 dias depois a cabeça do meu orgão ficou coçando e vermelhão passei uma pomada e melhorou.13 dias depois do ato tive relação com minha esposa ai apareceu de novo em me e na minha esposa,ai eu fiquei pertubado sera que acabei com minha familia. Dai imaginei que a pessoa tivesse alguma coisa que me prejudicou e principalmente em casa. o q faço agora o ato foi no dia19/06/2010 hoje tem 20dias do ocorrido e estou bastante preocupado e tenho os sintomas de garganta enflamada, gripe e cançaso, a pessoa nega que não tem nada mais deu pra perceber que ela é muito misteriosa e mentirosa. Me da uma luz o q faço?

Anônimo disse...

Seu blog é ótimo, eficiente, e esclarece muitas coisas. Parabéns.
Uma pergunta só. Pra quem é soropositivo, e "baba" muito... Essa "baba lubrificante" é capaz de transmitir o HIV? ou somente o sêmen em si pode transmitir?
Pergunto isso pq o HIV é transmitido através do sange, certo? Então o leite materno e o esperma, tem por base nas suas composições o sangue. Porém, esse lubrificante não é produzido a base de sangue, por isso faço a pergunta.

Alexandre disse...

Guga, se você não transou com ela e foi apenas sexo oral da maneira que você cita, quem correu risco foi ela, já que você ejaculou na sua boca.
Sugiro que você SE CONSULTE COM UM urologista para verificar se existe algo ou não que possa estar causando essa vermelhidão e coceira.

Abraços

-----------------------------------

Anônimo, acredito que você está se referindo a 'saliva', então fique tranquilo que a mesma não transmite hiv.

Abraços.

ana disse...

Alexandre boa noite!
gostaria de fazer uma pergunta pouco comum,mais gostaria de saber mais ou menos o preço de um eliza quarta geraçao sei q é muito relativo de local pra local de clinica pra clinica.mais todos falam q é caro gostaria de saber caro quanto! POR FAVOR ME RESPONDE.

Alexandre disse...

Ana, como você mesma disse varia de laboratório para laboratório e pode variar entre 50 e 150 reais ou até mais, para saber somente entrando em contato com o laboratório escolhido. Lembre-se que na rede pública você realiza o teste de hiv/sífils/hepatites GRATUITAMENTE.

Abraços.

ana disse...

obrigada alexandre pela informaçao voce é sempre muito gentil.

guga disse...

Alexandre mais se ela tiver candida na boca. Em me pode ser candidiase, e falam que tem haver com hiv? E dizem que os linfodos do pescoço quando incham são sintomas da fase aguda do hiv e eu estou com esse sintomas e muito preocupado estou psicologicamente perdido me da uma dica devo fazer o exame pois possa ser que ela tem candida na boca sem contar que eu soube que ela gosta de sair com todo mundo

Anônimo disse...

ola alexandre gostaria de saber se eu fizer um eliza da 4 geraçao ao 35 dias depois do risco ele ja é definitivo?

Alexandre disse...

Guga, se ela tem cândida provavelmente transmitiu p/ você ou você já poderia ser portador sem saber.
Esse é o problema...ficar dando atenção ao que 'falam por ai'...O HIV não se confirma pelos sintomas, até porque não existem específicos, só o teste pode dizer se houve ou não contaminação.
como disse antes procure um urologista para ser examinado e leve sua esposa a um ginecologista para fazer o mesmo. Só assim você poderá saber se existe algo.

Abraços.

----------------------------------

Anônimo, o teste de 4ª geração feito após 35 dias, se você não teve outra relação desprotegida neste período, lhe dará um resultado totalmente confiável.

Abraços.

Anônimo disse...

bom dia alexandre gostaria de saber se um exame feito num CTA com 40 dias é confiavel?independete da geraçao do exame?
grata desde ja.

Alexandre disse...

Anônima, sim é totalmente confiável independente da geração.

Abraços.

Anonimo disse...

uma menina fez sexo oral em me. Eu tinha umas feridas que não estava totalmente cicatrizadas depois de alguns dias meu pinto ficou vermelhidão e coçando. E ela eu não conheço. o q devo fazer? outra. Se alguem pegou hiv apos quantos dia do ato ela ja transmite? Obrigado pela atenção.

Alexandre disse...

Anônimo, se era você que tinha feridas no pênis, foi a menina que correu risco de contrair alguma dst, caso você tenha alguma. Para verificar essa vermelhidão e coceira, marque uma consulta com urologista, para que o mesmo o examine e verifique se há algo errado.
A partir da contaminação a pessoa já passa a ser transmissora.

Abraços.

Anônimo disse...

OLA,me diga categoricamente existe risco no sexo oral passivo. fiz o teste com 33 dias e deu negativo posso dar o resultado como negativo posso ficar tranquilo. Por favor me responda.

Anônimo disse...

Ola, uma mulher me fez sexo oral passivo e me beijou, existe risco para o sexo oral passivo, mesmo assim fiz o teste com 33 dias apos a relaçao oral devo dar o resultado como negativo. POR FAVOR ME RESPONDA. A maioria dos Sites diz qua nao existe risco ou os contradizem por isso a duvida. Ok. desde ja lhe agradeço.

Alexandre disse...

Anônimo, como você me solicitou vou lhe dar a 'minha opinião' e você sabe que eu sou 'leigo', mas não fujo de uma pergunta.

"Se a sua preocupação é somente o sexo oral passivo ("que fizeram em você"), 'eu' acredito que não existe risco para o HIV, e como você já fez o teste e deu negativo após 33 dias, 'eu' no seu lugar estaria totalmente tranquilo"

Abraços.

anonimo disse...

Mais se ela tiver hiv e eu com as feridas não cicatrizadas corro risco de ser contaminado? E eu acho que e´candidiase a coceira e o vermelhidão

Alexandre disse...

Anônimo...Você tem feridas não cicatrizadas, sangrando e abertas no pênis?
Você já foi a um urologista para ser examinado e CORRETAMENTE DIAGNOSTICADO?

Aqui na net você não vai ter a resposta concreta, somente suposições. Ficar 'achando' que tem isso ou aquilo não resolve nada e nem cura ou trata 'se existir algo'.
Portanto, procure um médico para ter CERTEZA sobre sua dúvida, pois este é o unico jeito de saber se tem ou não algum problema de saúde.

Abraços.

Anônimo disse...

ola, sua resposta com relaçao a sexo oral passivo voce diz que e leigo no assunto. e isso que entendi....

Anônimo disse...

ola, estou contente com sua resposta mas vc fala em suposiçoes ou uma coisa concreta com relaçao ao sexo oral passivo.

Alexandre disse...

Anônimo 1 e 2...se vocês prestarem atenção no "blog e aqui nesta janela de comentários", EU SEMPRE DEIXO CLARO QUE NÃO SOU MÉDICO E NEM PROFISSIONAL DA SAÚDE!
Minhas respostas eu dou com a maior SEGURANÇA e sem rodeios, pois apesar de não ser profissional da área de saúde (COMO SEMPRE DEIXO CLARO), procuro sempre estar atualizado e informado DE ACÔRDO COM A CIÊNCIA, MEDICINA E POR EXPERIÊNCIA PRÓPRIA DE VIVER E CONVIVER A MAIS DE 15 ANOS COM O HIV/AIDS!
"Eu" não QUERO, NÃO DESEJO, NÃO OBRIGO E NEM EXIJO que as pessoas "acreditem ou aceitem a minha opinião", pois mais uma vez REPITO...NÃO SOU MÉDICO!
Mas àquelas pessoas que vêem aqui neste espaço e que me PEDEM uma opinião, uma sugestão, uma orientação, uma ajuda DE UM AMIGO(VIRTUAL)...SEMPRE terão uma resposta minha e SEMPRE FICARÁ AO CRITÉRIO DELAS, ACEITAR, ACREDITAR, CONFIAR OU NÃO...COMO SEMPRE DEIXO CLARO!
Da mesma forma que TODOS(AS), "ambos" tem total direito de fazer o mesmo e aceitar ou não o que respondo e opino, PORÉM PARA TEREM TOTAL CERTEZA NAS RESPOSTAS É BEM SIMPLES...CONSULTEM-SE COM UM(A) MÉDICO(A)!
Aqui, vocês e todos(as) sempre serão tratados como amigos(as) e sempre serão bem vindos, porém JAMAIS SERÃO ENGANADOS!!!

Abraços.

Anônimo disse...

meu nome e alexandre tambem, me desculpe nao era essa intençao, sou o anomimo do teste com 33 dias, apenas queria me tranquilizar.NAO SABIA QUE O SENHOR ERA PORTADOR, mais uma vez me desculpe.Acho que me expressei mau e considero sim voce um amigo.Com Sua experiencia de vida Vc nao viu ninguem que pegou hiv, com sexo oral passivo.

Alexandre disse...

Alexandre, a 'minha opinião' a respeito de sexo oral passivo(quando fazem oral em você) eu já dei e será sempre a mesma, ou seja, QUEM FAZ o oral é quem corre riscos e por motivos óbvios, já que recebe na BOCA todos os fluidos (esperma, vaginal, etc). Já QUEM RECEBE o oral não corre riscos para HIV e no máximo poderia...repito...poderia se contaminar por alguma DST pela boca da(o) parceira(o), caso o(a) mesma(a) tivesse alguma.
EU não vi e nem conheço ninguém que se contaminou sendo PASSIVO no sexo oral!

Anônimo disse...

Sou o Alexandre, NA MINHA OPNIAO VC NAO E CONSIDERADO LEIGO NO ASSUNTO FALOU COM AUTORIDADE E TEM EXPERIENCIA NO ASSUNTO.Que Deus o ilumine para todo o sempre.Vamos nos falar mais e essa ultima resposta que deu foi muito util e tranquilizadora. Apenas no novo mundo governado por Deus nao teremos mais essas doenças.Um forte abraço.

Marcos disse...

Ola Alexandre. Sempre acompanho este blog e admiro muito sua coragem e força de vontade.
Bom, gostaria de deixar claro aqui uma coisa em relação ao sexo oral. Eu sou bissexual desde os 18 anos, hoje tenho 28 anos e durante esses 10 anos sempre pratiquei sexo oral em muuitos homens, e bota muito nisso. Nunca deixei nenhum gozar em minha boca mas ja senti aquele liquido lubrificante saindo do penis deles. Eu acho que ja chupei umas 5 vezes cada homem com quem em relacionei e ja me relacionei com mais de 30 homens. Esse ano resolvi fazer um teste HIV e como esperado deu não reagente. Esperei mais 3 meses só por curiosidade e adivinha?? NÃO REAGENTE. Portanto eu digo aqui pra todos. Sexo oral representa sim um risco, porém muito baixo, principalmente se não deixarem gozar na sua boca. Mas não estou pedindo para fazerem ok? Só estou dizendo que pratiquei durante muitos anos e talvez por sorte não me infectei. Dentre esses homens eu fiz sexo oral em 3 travestis super conhecidos na cidade, um deles inclusive com fama de ter HIV. Enfim, acalmem-se e usem sempre camisinha. Eu estou entrando em um relacionamento sério com uma mulher e agora em diante só me relaciono com ela. Mas se voltar a me relacionar com homens, farei tudo com camisinha, como sempre deve ser. Só postei isso aqui para vocês se tranquilizarem um pouco ok.

Alexandre, meus parabens novamente. Pessoas batalhadoras e dispostas a ajudar como você são raridade neste planeta. Que Deus te abençoe sempre.

Seu amigo Marcos.

Alexandre disse...

Boa tarde Marcos, obrigado pelas palavras, pelo apoio e pela mensagem que certamente será de utilidade para muitos amigos e amigas.

Um grande abraço.

Marcos disse...

Ola Alexandre, sou o colega Marcos que postou a mensagem anterior. Peço sua permissão para deixar algo claro e importante referente a mensagem anterior que foi postada por mim.

Como todos leram eu disse que me relacionei com muitos homens durante 10 anos e fiz sexo oral desprotegido em todos eles e não contrai o HIV. Eu nunca soube se algum deles tinham o virus. Eram homens que eu conhecia as vezes por bata papo, festinhas etc...
Portanto, quero deixar um aviso aqui para todos.

Não estou, em hipótese alguma induzindo as pessoas ao sexo oral desprotegido, tampouco estou dizendo que ele é isento de riscos. Eu posso uma doença chamada Herpes Labial, ela se manifesta uma vez por ano, as vezes fico 2 anos sem ela mas a doença esta sempre comigo. Sei que certamente adquiri essa bentida herpes com sexo oral desprotegido e por sorte eu não adquiri outras mais graves. Então só queria deixar claro o que todos recomendam, sexo oral somente com camisinha. Mesmo com todos os comentarios dizendo que os riscos são teóricos, mas ele existe e eu particularmente resolvi parar de correr este risco.

Álexandre, agradeço novamente pelo espaço que me cedeu para este comentário e aproveitando sua boa vontade, tem um colega meu aqui do meu lado com duvidas sobre a janela imunologica pois o bobinho andou se arriscando por ai com sexo oral e gostaria de uma opinião sua referente a janela, Então por favor, diga pra ele qual sua opinião referente a janela para ele se tranquilisar aqui ok. O nome dele é Jean.

Um abraço.

Alexandre disse...

Oi Marcos, eu nem me preocupei em 'comentar' o seu depoimento, pois está bem 'claro' que você não está fazendo 'apologia' a nada, portanto e também agora com mais este complemento, está mais claro do que nunca. Obrigado mais uma vez.

Jean, primeiro dê uma lida na postagem com muita atenção e sem se deixar influenciar pelo que ouviu por ai, ok?
Quanto a tão famosa janela, que serve PARA O HIV, independente de ser sexo oral, anal ou vaginal, pois o que o teste vai apontar é a PRESENÇA OU NÃO DA INFECÇÃO(VÍRUS HIV) e não a forma como foi feita a relação.
Se você tiver condições financeiras para realizar um teste de 4ª geração em laboratório particular, "APÓS 25 DIAS DA ULTIMA RELAÇÃO DESPROTEGIDA" o resultado será totalmente confiável, "DESDE QUE NESTE PERÍODO VOCÊ NÃO TENHA TRANSADO NOVAMENTE SEM PROTEÇÃO".
Se você preferir (eu preferiria) realizar seu teste em um CTA, que será gratuito, sigiloso, seguro e confiável, os testes geralmente são de 3ª geração. Então é aconselhável esperar mais alguns dias, que também já lhe darão um resultado confiável, e dependendo do CTA o resultado sai em minutos, atravéz do teste rápido.
Lembrando que no sexo oral PASSIVO (FAZEM EM VOCÊ) o risco é zero para o HIV ("MINHA OPINIÃO OK").
No ATIVO(VOCÊ FAZ EM ALGUÉM)o risco não havendo ejaculação existe mas é pequeno, porém havendo ejaculação o risco aumenta.
Lembrando também que em AMBOS, o mais PROVÁVEL de ocorrer é a CONTAMINAÇÃO POR DST, como bem citou o Marcos. Portanto, MÍNIMO, PEQUENO OU GRANDE EXISTE UM RISCO, ENTÃO "CAMISINHA SEMPRE E SEM NEGOCIAÇÃO".

Abraços.

Anônimo disse...

ola alexandre sou o anonimo da primeira pergunta gostaria que voce fizesse a magica de antes e me acalmasse mais uma vez. fui a um CTA com 39 dias do risco e realizei um texte rapido chamado bio-manguinhos deu nao reaguente ate q fiquei mais tranquila porque a infectologista me disse que é super seguro o resultado mais ainda estou com duvidas em relaçao a hepatite b( sei que voce nao se entitula entendo mais leigo, e nao é muito sua area,mais...)gostaria que me tirasse uma duvida que tenho certeza que afligem todos que pensao ter pego algo de alguem. eu voltei na infectologista com 44 dias do risco depois do risco e falei da hepatite b ai ela me disse q iria me passar a vacina contra a hepatite b por que segundo ela a vacina me faria produzir anti corpos e neuralizar a duença( caso tenho pego)ai nesse caso eu nao seria nem tranmissora da mesma porque eu estava na janela que era de 180 dias isso realmente é verdade alexandre? to preoculpada porque na hora de tomar a vacina a enfermera me disse que nao a cura.

me desculpa o texto muito grande mais é do tamanho do meu medo
obrigada

Alexandre disse...

Olá anônima...você 'não' tem mais motivos para ficar tão preocupada, pois fez o correto, procurou orientação médica, fez os testes e até se vacinou.
Qual é o medo?
O que lhe 'disseram'?
DÊ SEMPRE atenção ao que um(a) médico(a) lhe diz e orienta, como a infectologista que lhe atendeu, a qual agiu corretamente inclusive lhe prescrevendo a vacina da hapatite B 'por precaução'.
Lá no início você não estava com medo de ter adquirido alguma doença?
Então, agora você já sabe que não tem hiv, através do teste e está protegida da hep. B pela vacina.
Antes de se preocupar com o tal 'dizem por ai', não tenha medo ou vergonha e convesar muito com o(a) médico(a), lhe garanto que você não mais ficará preocupada a toa.

Abraços.

Marcio disse...

Ola Alexandre
Há aproximadamente 30 dias me relacionei com uma prostituta daquelas que fazem ponto na rua, no qual so rolou sexo oral passivo com camisinha, porém após o sexo oral ela me beijou de lingua por aproximadamente 10 segundos e eu estava com uma espinha no canto da boca no qual tinha estourado um dia antes.
Lhe pergunto poderia ter me contaminado com hiv com esse beijo se ela estivesse com sangramento na boca ou se ela tivesse pego um cliente minutos antes que ejaculou em sua boca e estiver contaminado?
Outra coisa Alexandre, fiquei mais preocupado pois 21 dias depois da relação tive um quadro parecido com uma infecção intestinal, tive muitas dores abdominais, diarreia(ia ao banheiro aproximadamente 20 vezes por dia) e vomito. Esses sintomas demoraram 4 dias.
Lhe pergunto isso é sintoma da fase aguda do hiv ou estou somatizando?
Vc acha q eu deveria fazer o teste?
Vc conhece algum caso de contaminação pelo beijo?
Por favor me responda estou desesperado.
Quero também lhe parabenizar pelo seu blog e pela pessoa maravilhosa q vc é, sempre disposto a ajudar.

Um abraço, muita felicidade e saúde.

Alexandre disse...

Marcio, vou responder as suas perguntas, mas 'na minha opinião' você não correu risco algum.

Lhe pergunto isso é sintoma da fase aguda do hiv ou estou somatizando?
Não, não é sintoma da fase aguda e você mesmo sem perceber já pode ter dado a resposta...'infecção intestinal'...persistindo vá ao médico.

Vc acha q eu deveria fazer o teste?
Se a 'situação' foi somente esta, 'eu' não faria o teste, mas como você está já desesperado por algo que 'cismou', faça para tirar de vez isso da cabeça.

Vc conhece algum caso de contaminação pelo beijo?
Não, beijo não transmite HIV.

Sinceramente eu acho que todo esse despero está ligado ao fato da moça ser profissional do sexo, porém ela não tem nada de diferente das outras mulheres, a não ser a 'profissão que escolheu'.

Abraços.

Marcio disse...

Ola Alexandre sou eu de novo da pergunta de cima, desculpe a insistência, mas e no caso ela estivesse saido com um cliente minutos antes de mim que ejaculou em sua boca ou ela estivesse com sangramento na boca (visto q eu estava com uma espinha no canto da boca q tinha estourado um dia antes, estando possivelmente aberta), mesmo assim nao corri risco algum por esse beijo?
posso ficar tranquilo?

Abraço

Alexandre disse...

Marcio, você está fazendo 'suposições' e é isso que está lhe apavorando mais. Em resposta a 'suposição'...NÃO! Nessa situação suposta também não haveria risco para HIV.
Ignore assuntos a respeito de hiv na net e faça um teste para sair dessa neura, que a mau ver é a toa.

Abraços.

Anônimo disse...

OLA, Alexandre aqui quem fala e seu xara(alexandre) lembra, do dia 19 blz...BOAS NOTICIAS vou te confessar uma coisa naquela noite eu esta apreensivo porque ia pegar um novo exame que fiz apos 6 meses(O 2º EXAME) agora sim posso fikar tranquilo.Posso dizer que agora sim tenho um poko de experiencia no assunto,como ja disse nao fazemos apologia de nao usar a camisinha, mas o sexo oral e complicado começo com beijos ardentes quando ve ja estamos la.Nunca fiz sexo desprotegido, mas sexo oral sim entao posso dizer a todos CATEGORICAMENTO SEM MEDO DE FALAR NUNCA ESCUTEI, E NEM VI NEHUM CASO DE UMA PESSOA QUE COMPROVADAMENTE PEGOU HIV COM SEXO ORAL PASSIVO, existem muitos blogs falando tanto bobeira informaçoes totalmente errada e tao dificil pra pessoa que esta com duvida so pioram as coisas.Entao Xara como disse mesmo agora estando muitissimo aliviado nao vou deixar de nos falar e ajudar outros, porque so quem passou ou esta passando por esta paranoia de suposiçoes negativas e ruim. Um forte abraço.e AGRADEÇO PELA SUAS PALAVRAS E AJUDA SO QUEM PASSA POR ISSO QUANTO E DIFICIL...

Anônimo disse...

Ola Alexandre, Agradeços pelas palavras amigas que me concedeu sou se xara(alexandre) e muito deficil perguntar tais com outra pessoa neste assunto e se abrir e poder conversar abertamente, hoje peguei um novo exame depois de 06 meses so pra desencanr de vez e deu nao reagente, posso flar para outros que nao a risco no sexo oral passivo (nulo).Valeu Alexandre sempre estarei conversando mais sobre assuntos.OBRIGADO.

Anônimo disse...

Alexandre, minha dúvida se divide eem 02 partes: 1)transei com uma garota usando preservativo, ela fez oral em mim sem preservativo e eu nela tbm, apesar q o oral, tanto meu qto o dela, foi nas preliminares, por poucos segundos...95 dias após o contato fiz um teste num laboratório particular, negativo, graças a Deus. 4 dias depois, ou seja, 99 dias após o contato, doei sangue resultados de todos os exames: negativo. 2)Após este 1º caso, há 4 meses atrás, transei com outra garota, COM preservativo. Beijei-a na boca e ela fez oral em mim, axo q por uns 30 segundos, nas preliminares, sem preservativo, e eu não fiz oral nela. Poucos dias depois ela pegou o exame de HIV negativo dela, colheu sangue dias antes de a gente transar. Lá vão minhas dúvidas: Sobre o 1º caso, com 1 exame particular com 95 dias, e outro na doação de sangue após 99 dias do contato de risco, posso ficar tranquilo? Sobre o 2º caso, penetrando com camisinha, mas recebendo oral, mesmo q por pouco tempo, sem preservativo, posso ter contraído HIV? 6 dias após o 2º caso, eu tive febre, inflamação na garganta e tals...durou uns 4 dias. De lá pra cá minha garganta melhorou, não sinto dor, mas tenho um incômodo, que eh difícil explicar, não posso dizer q depois disso a garganta ficou normal novamente. E pra ajudar, há 15 dias, to com uma mancha na barriga, pequena, arredondada, pouco saliente, que não coça...achando que era corriqueiro passei Vodol, Cetoconazol e não some. Daí fico com medo, será q por esta 3ª relação não contraí HIV, visto que minha garganta não melhora há 04 meses e nao há nada que faça sumir esse manchinha na barriga?...to desesperado...por favor, me responda detalhadamente se é só neurose minha ou tenho q me preocupar...

Alexandre disse...

Anônimo, sinceramente você não está na dúvida, está sim 'obcecado' pelo hiv, basta ler e reler o que você descreve.

A 1ª você transou com camisinha, ZERO chances de contaminação pelo HIV. O oral praticamente não existiu e mesmo que tivesse sido longo, chances MÍNIMAS para HIV, E TUDO COMPROVADO PELOS TESTES "TODOS NEGATIVOS".

A 2ª novamente transou com camisinha, não fez oral e somente beijou a parceira, TUDO ZERO PARA CONTAMINAÇÃO PELO HIV. TESTES NEGATIVOS E MAIS UMA VEZ COMPROVADO QUE VOCÊ NÃO TEM HIV.

Em ambos, os testes foram realizados COM JANELA DE SOBRA, PORTANTO ESQUEÇA O HIV QUE ESTE VÍRUS VOCÊ NÃO TEM!

Quantas vezes na sua vida você ficou resfriado, gripado e por causa disso teve inflamação na garganta?
Uma mancha na barriga? O que poderia ser? Irritação, alergia...não teria 'complicado' por você ter-se auto-medicado?
Por que você não foi a um dermatologista para saber se essa manchinha significa algo ou não é nada demais?

Com testes(vários) TODOS NEGATIVOS PARA O HIV, QUAL O MOTIVO CONCRETO PARA VOCÊ ESTAR DESESPERADO?

EU vou lhe responder...NENHUM...o que está lhe 'desesperando' é o fato de você simplesmente IGNORAR COISAS CONCRETAS COMO TESTES E EXAMES, CIÊNCIA, MEDICINA, TECNOLOGIA, PARA SE APEGAR A 'NADA'...talvez ou melhor, seu grande problema é psicológico e isso para se resolver será necessário ajuda profissional de um psicólogo, ok?

Anônimo disse...

Alexandre, sou o último anônimo dos dois casos aí de cima...só salientando que em relação ao 2ª caso, eu não fiz teste de HIV posteriormente, ele q pegou o exame dela dias após nossa transa...
E outra, alguns dizem q oral, mesmo passivo tem riscos para transmissão, outros especialistas dizem q não...aí ficamos angustiados...a mesma coisa sobre janela imunológica, uns dizem 60 dias, outros 90 e já vi profissional dizendo 6 meses...é complicado...agradeço a sua resposta, seu trabalho aqui no site é muito útil e ajuda muita gente com dúvida...peço para esclarecer essas ultimas duvidas minha tá, sem querer ser inconveniente...rs...abraço e fica com Deus, vc eh um cara iluminado!

Alexandre disse...

Anônimo, se você ler com atenção eu já lhe respondi tudo, e se você entrar em sites HONESTOS, SÉRIOS E ESPECIALIZADOS, COMO DA OMS - AIDSMAP - UNAIDS - SBI - MINISTÉRIO DA SAÚDE, EM TODOS ELES É DITO QUE NO SEXO ORAL PASSIVO/ATIVO (CONFORME JÁ EXPLICADO) O RISCO EXISTE MAS 'É MÍNIMO', DEPENDENDO DE VÁRIOS FATORES, E ESSE RISCO NO 'PASSIVO' PRATICAMENTE NÃO EXISTE SENDO SOMENTE 'TEÓRICO'. TANTO QUE NÃO EXISTE 1 SÓ CONTAMINAÇÃO DESSA FORMA (PASSIVO) E POUCAS NO ATIVO, POIS NA MAIORIA IMENSA DOS CASOS 'SUPOSTOS', QUANDO SE FAZ UMA INVESTIGAÇÃO MAIS COMPLETA, VERIFICA-SE QUE OCORRERAM OUTROS RISCOS 'OMITIDOS' PELAS PESSOAS.
Da mesma forma é com a JANELA IMUNOLÓGICA, nesses sites que lhe informei NÃO HÁ NENHUMA DIVERGÊNCIA QUANTO AO TEMPO. Inclusive aqui mesmo no blog existem postagens que abordam o assunto e MOSTRA O QUE AFIRMAM OS ESPECIALISTAS.

Volto a lhe dizer e sugerir...procure ajuda psicológica, pois está evidente que você está emocionalmente 'hipnotizado' pelo hiv, POIS, REPITO...ESSE VÍRUS VOCÊ NÃO TEM CONFORME CIENTIFICAMENTE PROVADO E COMPROVADO.

gil disse...

estou a 33 dias de um ato oral passivo de risco e gostaria de saber se fizer o exame com 40 dias terei um resultado confiavel. Lembrando que depois de 3 dias do ato tinha candida no meu penis, é um fator de transmissão do hiv a candida oral?

Alexandre disse...

Gil, com certeza fazendo o teste com 40 dias o resultado será totalmente confiável, lembrando que o 'risco' no sexo oral PASSIVO(FAZEM EM VOCÊ) é praticamente nulo para o HIV e um pouco maior para DST o que parece ser o seu caso(DST).
Porém sugiro também que você consulte-se com um urologista, pois essa 'cândida' já poderia estar no seu organismo e você não saber.

gil disse...

bom se candida tivesse em me ok? Mais ela pode ser transmitida pelo sexo oral no caso da boca para o penis?

Alexandre disse...

Sim, pode.

gil disse...

Se caso foi transmitido pela boca no quer dizer que saja hiv. Ou é? e agora o q faço?

Alexandre disse...

Gil, candidíase NÃO É SINTOMA ESPECÍFICO DE CONTAMINAÇÃO PELO HIV.
Como você sabe que está com candidíase?
Pela net?
Auto diagnóstico?
Se a resposta é sim...você não é médico e eu também não, mesmo que fosse NÃO TEM COMO DIAGNOSTICAR CORRETAMENTE uma doença pela net, apenas e tão somente SUPOR, DESCONFIAR.
O que fazer?
Simples Gil, marque uma consulta com um UROLOGISTA que o mesmo lhe tirará todas as dúvidas, o examinará e caso exista algo, fará o DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO CORRETOS.
Perdendo tempo na net você só consegue uma coisa...ficar eternamente na dúvida.

gil disse...

alexandre. Não comentei com vc desculpe. Mais ontem fui ha um urologista contei minha historia. Dizendo que foi pelo sexo oral mostrei a ele e ele confirmou que é candidiase.Passou fluconazol oral 2 capsula 1 e depois de 8 dias o outro e uma pomada mult derme para passa no local. Apos 15 dias vou la pra seaber se ficou bom totalmente. Perguntei sobre o risco de sexo oral e candida. Ele falou que o indice é muito baixo pela via oral se contaminar com hiv. Mais estou preocupado por conta da minha esposa tenho medo de ter relação com ela sem saber o que estou fazendo. Por isso encontrei vc para me informar.Vou fazer o tratamento, mais em relação ao hiv fico despreocupado? E mais uma vez desculpe por não comenta que tinha ido ao medico. e obrigado pela atenção e que DEUS te abençoe. E nos proteja.

Alexandre disse...

Gil, o médico lhe confirmou o que eu lhe disse.
Agora você 'não pode e nem deve' ter relações com sua esposa SEM CAMISINHA, isso somente será possível após a cura total da candidíase. Portanto siga o que seu médico recomendar e peça a ele que lhe oriente sobre relações sexuais, pois é na palavra dele que você deve confiar.
Para que você possa tirar o hiv de vez das suas preocupações, faça o teste.

Anônimo disse...

oi alexandre, queria saber se vc pode me tirar uma duvida!
é o seguinte eu fiz sexo com uma garota de programa, eu usei camisinha, pra ser mais preciso so fizemos o vaginal! depois de um tempo apareceu tipo como se fosse umas bolhas em mim, na regiao da minha bexiga! desconfio que seja herpes! eu queria saber o seguinte, se essa pessoa tiver me passado herpes mesmo eu usando camisinha, se ela for portadora do HIV ela pode ter me passado o HIV através da HERPES? obs: eu nao tinha nenhuma ferida, nem corte na hora do ato, eu estava usando camisinha! aguardo sua resposta alexandre! obrigado!

Alexandre disse...

Anônimo...Se você usou camisinha e a mesma NÃO ESTOUROU, NÃO HÁ A MÍNIMA CHANCE DE VOCÊ TER-SE CONTAMINADO PELO HIV, MESMO QUE A MOÇA FOSSE PORTADORA!
Não acredito muito que seja herpes o que você relata, por isso é fundamental que você consulte-se com um dermatologista para ser examinado e diagnosticado, caso exista mesmo algo.
Pra haver a contaminação PELO HIV, TÊM DE HAVER TROCA DE FLUIDOS(SANGUE, ESPERMA) E ESTES ENTRAREM EM CONTATO COM A "CORRENTE SANGUÍNEA'.

Anônimo disse...

Uma menina fez sexo oral em me e cuspiu na cabeça do meu penis 2 vezes. Apos alguns dias apareceu candida confirmado pelo meu medico. Ele disse que o indice é muito baixo. Mas te pergunto Alexandre como foi candida transmitida via oral corro risco de ter sido contaminado pelo hiv?

Alexandre disse...

Anônimo, a palavra do MÉDICO é o mais importante e ele mesmo lhe disse que dessa forma o risco praticamente não existe para HIV, mas acrescento o que sempre reforço, para DST o risco é muito mais PROVÁVEL, o que parece que aconteceu com você.
Ou seja, você 'pegou' candidíase, portanto trate-a conforme as orientações do médico até ficar livre da mesma, e nas próximas vezes 'tenha e exija mais cuidado', para não ficar se preocupando eternamente.

Anônimo disse...

mas o q acha Alexandre? devo fazer o exame do hiv.Pois acho que sentir alguns sintomas

Alexandre disse...

Sinceramente?
Sim, eu acho que você deveria fazer o teste, que provavelmente será NEGATIVO, 'se o sei 'risco' foi somente esse'.
Assim você desencana de vez do HIV e trata aquilo que realmente você tem.

Anônimo disse...

Obrigado Alexandre pela informação e que DEUS nos abençõe.

Anônimo disse...

Prezado Alexandre,

Meus parabéns pelo site, é muito elucidativo. Minha situação é a seguinte: recebi sexo oral passivo de 02 garotas de programas, uma no meio de janeiro de 2010 e outra no dia 04 de março. Após tais acontecimentos fiquei muito grilado de ter pego HIV, pois surgiram ínguas em baixo do meu braço, tosse e fadiga. não tive febre! fiz o teste de HIV no dia 26/03/2010 e deu não reagente pelo método: sistema architect hiv ag/ab combo - abbott. Ocorre que, constantemente eu tenho tosses e continuo com cansaço no corpo e nos últimos dias tive candidíase. será que eu posso estar contaminado? posso confiar no resultado do teste realizado? estou ficando paranóico achando que qualquer coisa que eu tenha é resultante do HIV em função de este abaixar a imunidade. agradeço, e aguardo a resposta.

Alexandre disse...

Anônimo, em nenhuma dessas relações você correu risco para HIV, Se o seu 'risco' foi somente esse.
Cansaço, tosses e até mesmo a candidíase, podem ter várias causas e não são sintomas específicos da contaminação pelo HIV.
Portanto, procure um dermatologista para diagnosticar se realmente você tem candidíase e tratá-la. Procure também um clínico geral para verificar se esse cansaço e essa tosse estão sendo causadas por algo específico ou apenas pelo seu emocional, ok?

Anônimo disse...

Agradeço pela resposta, mas gostaria que vc me respondesse a pergunta que fiz com relação ao teste, pois não sei a geração do teste que fiz. é confiável ou não?

Alexandre disse...

De acordo com o fabricante (Abbot) este teste é de 4ª geração, e como você não correu risco 'nessas relações relatadas', o mesmo confirma, comprova e é totalmente confiável, mostrando que você não tem HIV, por isso volto a lhe sugerir que procure os profissionais citados, ok?

Anônimo disse...

Ok! muito obrigado pelas respostas. A propósito, meu nome é Marcello, um grande abraço e sucesso em sua vida profissional e pessoal.

Anônimo disse...

OI ALEXANDRE, SOU O ANONIMO QUE FALOU SOBRE O CASO DE HERPES E HIV, SOBRE A GAROTA DE PROGRAMA! É EU FUI AO MEDICO, JA FIZ TODOS OS EXAMES E TO AGUARDANDO O RESULTADO, AS BOLHINHAS SE ESPALHARAM UM POUQUINHO NA MINHA REGIAO GENITAL, POREM QUANDO O MEDICO EXAMINOU, AFIRMOU QUE PODERIA SER MOLUSCO CONTAGIOSO, TO ESPERANDO O RESULTADO DOS EXAMES AGORA! MT OBRIGADO POR ME EXCLARECER A DÚVIDA, GOSTARIA DE SABER EM ULTIMO MOMENTO, SE VC SABE INFORMAR SE ESSE TAL MOLUSCO CONTAGIOSO, É PARECIDO COM A HERPES! ABRAÇOS, OBRIGADO PELA SUA ATENÇÃO!

Alexandre disse...

Anônimo, aguarde tudo com calma que seu médico saberá o que deve ser feito.
O molusco é uma doença da pele que cria elevações brancas ou rosadas na mesma, nos lados é avermelhada e coça.
Entre no site: www.dst.com.br que no mesmo você poderá ver imagens.

Anônimo disse...

vc conhece alguem que foi contaminado via oral sendo passivo e com candida?

Alexandre disse...

Não!

Anônimo disse...

Boa noite Alexandre,
A exatamente 58 dias fui em uma festa de despedida de solteiros onde havia varias mulheres (Profissionais do Sexo), eu bebi demais e acabei fazendo sexo oral em uma (detalhe eu tinha removido um dente a aproximadamente 2 semanas).
Sei que fui muito burro, mas não adianta chorar o leite derramado, só não cometer novamente.
Com 30 dias do acontecimento fiz um teste método Elisa acho que de terceira geração e o mesmo deu negativo, vou refazer outro daqui 1 semana quando der 60 dias, caso esse de negativo posso ficar tranqüilo?
Esse de 30 dias já é um bom indicio NE? Pois li em um site do governo que em 90% dos casos a soro conversão se dá com 30 dias.

Alexandre disse...

Anônimo, se a sua relação de 'risco' foi apenas essa, se nesse período você não teve novas relações 'desprotegidas', o 1º teste já era suficiente e com mais esse após 60 dias que certamente será também negativo, 'eu' no seu lugar ficaria totalmente tranquilo quanto ao HIV.

Anônimo disse...

Ola
Fiz sexo oral em um travesti , porem ele não ejaculou, corro algum risco, e o liquido que sai do penis antes da ejaculaçao tem perigo.

Alexandre disse...

Anônimo...para HIV o risco é mínimo porque não houve ejaculação, mas é maior para DST independente de haver ou não ejaculação.

Anônimo disse...

Alexandre

Sou o anonimo do comentario anterior do sexo oral no travesti...., e se saiu o liquido, mesmo ele não tendo ejaculado? Isso aconteceu no dia 21/07, quando vc acha que devo fazer o teste de Hiv para comprovar, desculpa mas é que estou desesperado.

Alexandre disse...

Anônimo, a resposta está clara, ou seja, se HOUVE EFETIVAMENTE EJACULAÇÃO O RISCO PARA HIV AUMENTA.
Se não HOUVE EJACULAÇÃO O RISCO PARA HIV É MÍNIMO, PORÉM AINDA É BEM PROVÁVEL PARA AS D.S.T (GONORRÉIA, SÍFILIS, HEPATITE, ETC)..."SE A PESSOA FOR PORTADORA".
Ficar desesperado adianta ou resolve?
Não, só lhe fará mal. Então procure um médico, pode ser um urologista para que o mesmo o examine e DESCARTE a possibilidade das DST, e aguarde mais ou menos 25 dias e faça o teste. Não há outro jeito e também NADA comprova que você está ou foi contaminado pelo HIV OU DST, ok?...É uma suspeita 'sua'.

Anônimo disse...

Alexandre

Muito obrigado pelo seus comentarios,e desculpa de alguma coisa agora estou mais tranquilo. Só mais uma duvida dentro de quanto tempo devo consultar um urologista, para saber em relação a DST.

Alexandre disse...

Anônimo, cada DST tem um tempo de 'incubação' digamos assim. Você pode fazer essa consulta agora mesmo, pois assim o médico lhe orientará com mais detalhes sobre o melhor a ser feito, e também numa conversa com o mesmo, você até se tranquilizará mais ainda, ok?

Anônimo disse...

Faz duas semanas que uma soro + praticou em mim sexo oral passivo ( eu fui chupado ) e depois coloquei camisinha , fiquei preocupado depois pela besteira que fiz , mas vi que assim como o beijo essa atividade não trasmite HIV , gostaria da sua opinião pois vivo preocupado !!

Alexandre disse...

Anônimo, nem precisa da minha opinião, pois você mesmo já respondeu o que eu iria responder. No sexo oral passivo(fazem em você) não há risco para HIV.

Anônimo disse...

Alexandre, o meu caso eh o seguinte: saí com uma prostituta e ela fez oral em mim e eu nela, já a penetração foi com preservativo...após 99 dias, sei que não fiz o correto, mas doei sangue, obviamente escolhendo ao final a opção para que descartassem o meu sangue doado...resultado dos exames: todos negativos...aí pergunto: com 99 dias após o contato de risco posso ficar tranquilo?...qual a geração do exame anti-hiv aplicado na doação de sangue? são aqueles que, além dos anticorpos procuram uma tal proteína?...qual a janela imunológica máxima?...aguardo resposta pois ainda estou nevoso com a situação...

Alexandre disse...

Anônimo, realmente você não fez o correto, pois a doação de sangue NUNCA pode ser usada para testagem de HIV/DST. Mas já que foi feito não tem voltar atrás e com 99 dias após a relação, com toda a certeza você não tem hiv, essa janela é mais do que suficiente, desde que você nesse período não tenha transado sem proteção.
Me desculpe, mas eu não entro em detalhes sobre esses testes usados na doação, exatamente para tentar conscientizar as pessoas que NUNCA SE DEVE DOAR SANGUE PARA ESTE FIM.

Horácio disse...

Alexandre, saí com uma mulher, casada, usei camisinha, exceto no oral ativvo/passivo. Faz 4 meses. Após uns 6 dias da relação t ive uma febre fortíssima e dor de garganta. Até hoje minha garganta não afirmou completamente, ficando aquela dorzinha "flutuante". Sinto minha saúde emais frágil, não posso, poro ex., andar de moto que já tenha gripe e a garganta volta a inflamar. Iaí, corri perigo nesa relação? Essa fragilidade de minha saúde pode ser positivação para o HIV? estou aflito, me responda por favor, com sinceridade, por mais dura que seja...

Alexandre disse...

Horácio, vocês usaram camisinha na penetração = chances de contaminação pelo HIV = zero.
Vocês não usaram camisinha no oral passivo/ativo = chances de contaminação pelo HIV no passivo, onde 'ambos' receberam o oral = zero.
Chances de contaminação pelo HIV no ativo, onde 'ambos' fizeram o oral = 'Grandes' se entram em contato com a ejaculação e com os fluidos vaginais ou sangue, através da boca. 'Muito pequenas' se não entraram em contato. Porém riscos 'bem maiores' para contaminação por DST.
"NENHUM SINTOMA" relatado por você se refere a contaminação pelo HIV, até porque o HIV não é diagnosticado por sintomas, mas sim PELO TESTE ESPECÍFICO.
São essas a respostas que eu poderia lhe dar, mas se você quer ter respostas concretas, definitivas que possam acabar de vez com sua aflição é simples :

1)Consulte-se com um clínico geral para saber as causas desses supostos sintomas.

2)Como já faz 4 meses do suposto risco, faça o teste de qualquer geração que o resultado será definitivo para o HIV.

3)Consulte-se com um urologista para descartar as outras DST.

Abraços.

Anônimo disse...

Boa tarde Alexandre. Se eu fizer um teste rápido com 32 dias da exposição tenho um resultado confiável?

Alexandre disse...

Sim, 'se voce durante esse período não transou novamente sem proteção(camisinha)'.

Anônimo disse...

Oi Alexandre. Esse teste rápido que eu me referi acima e aquele em que o resultado sai na mesma hora. 32 dias e confiavel mesmo ou e melhor esperar 40 dias?

Alexandre disse...

A resposta é a mesma, 'dias não vão fazer diferença'.

Anônimo disse...

olá alexandre, eu gostaria de saber o seguinte, eu fiz sempre faço sexo com camisinha, porem me parece que estou com herpes, gostaria de saber se alguem que tem hiv e herpes, tem como ter passado o hiv junto com a herpes mesmo eu usando camisinha? eu andei pesquisando e disse que herpes facilita a contaminaçao do virus do HIV! Pode me tirar essa dúvida? abraços!

Alexandre disse...

Anônimo, se você transa(penetração) sempre usando camisinha, NÃO HÁ COMO INFECTAR-SE PELO HIV.
TODA DST facilita (abre as portas) para contaminação pelo HIV, MAS QUANDO A RELAÇÃO É FEITA SEM CAMISINHA!
Vale lembrar que algumas DST são transmitidas APENAS PELO CONTATO PELE/PELE, COMO HERPES E HPV.
Sobre a sua 'suspeita', você tem de procurar um urologista, dermatologista ou infectologista para que seja feito o exame e o DIAGNÓSTICO CORRETO se você tem ou não herpes, inclusive porque a mesma tem muitas variantes, que somente um médico sabe reconhecer e tratar, se for o caso.

Abraços.

Anônimo disse...

ola alexandre, eu gostaria de saber o seguinte, como uma pessoa que transa sem camisinha, contraí o HIV, tipo assim eu queria saber como é a porta de entrada na relaçao sexual, seria a glande? eu sempre me previno, mas gostaria se saber como acontece, atraves da relaçao sexual, diz-se que é troca de fluidos, nesse caso a mulher é mais sucessitivel ne?! e o homem no caso pega se o fluido entrar pelo penis na parte da glande? se puder me esclarecer ficarei muito grato! admiro o seu trabalho de exclarecimento as pessoas!

Anônimo disse...

oi alexandre, eu sou o anonimo que falou no dia 29 de julho de 2010 as 12:58, eu entendi agora o que quis dizer, mas ai como vc disse que tem dst que se pega com contato de pele, eu gostaria de saber, se esse contato de pele, de pessoa que tem herpes e hiv, pode ter transmito o hiv, pq a minha suspeita da herpes é na perto da minha virilha, ou seja foi por contato de pele! aguardo sua resposta, obrigado por me esclarecer! aguardo!

Alexandre disse...

Anônimo 1...vamos esclarecer que USANDO A CAMISINHA CORRETAMENTE NÃO HÁ CHANCES DE CONTAMINAÇÃO PELO HIV, OK.
Resumindo ao pé da letra, a contaminação pelo sexo acontece pela troca de fluidos do homem e da mulher, ou seja, esperma, fluidos vaginais e sangue.
Com toda a certeza A MULHER E O HOMOSSEXUAL QUE É PASSIVO na relação, são os que mais correm riscos e por motivos óbvios, POIS RECEBEM INTERNAMENTE TODOS OS FLUIDOS que podem entrar em contato com a CORRENTE SANGUÍNEA ATRAVÉS DO ATRITO DA RELAÇÃO QUE PROVOCA RANHURAS/FISSURAS INVISÍVEIS A OLHO NU, NO PÊNIS/VAGINA/ANUS.
Já quando existe a presença de DST o HIV penetra no organismo com mais facilidade, pois algumas delas provocam ulcerações(sífilis, cancro, hpv)e servem de 'porta de entrada' do vírus.

-----------------------------------

Anônimo 2...Leia a resposta acima ao outro anônimo que responde a sua pergunta.
Só complementando, O HIV NÃO SE TRANSMITE PELA PELE!

-----------------------------------

Anônimo disse...

oi sou o anonimo que perguntou sobre o contato da pele, desculpe te aborrecer alexandre, mas estou mt preocupado! vc me diss que nao pega HIV pelo contato da pele, mas eu queria saber, se quando eu tiver contraido a herpes, o hive pode ter vindo junto com ela, atraves desse contato de pele! lembrando que eu usei camisinha! desculpe a insistencia! mas realmente estou apreensivo! espero que me compreenda! prometo nao incomodar novamente!

Alexandre disse...

Anônimo, voce não entendeu ou não está querendo entender, me desculpe.
Herpes pode ser transmitida simplesmente pelo contato da pele, por exemplo, a pessoa tem herpes e beija você, faz oral em você...O HIV ESTÁ NA NOSSA CORRENTE SANGUÍNEA, DENTRO DELA E NÃO SAI PARA FORA DO NOSSO ORGANISMO PELA PELE. Caso isso ocorresse, pense...todas as pessoas teriam HIV.
Para que uma pessoa TRANSMITA O HIV PARA OUTRA, O VÍRUS OBRIGATÓRIAMENTE TÊM DE ENTRAR NA CORRENTE SANGUÍNEA DESTA!!

Anônimo disse...

Bom dia Alexandre, tomei coragem e fiz o teste rápido bio manguinhos com 32 dias da exposição e o resultado foi nao reagente.
O resultado é confiável com 32 dias, posso ficar tranquilo ou preciso fazer outro com 60 dias?
Em relação aos testes tradicionais, o teste rapido dá um resultado tão confiável quantos os testes tradicionais, visto que o teste rapido é só uma picada no dedo e o resultado sai em 15 minutos, gostaria de um esclarecimento?

Alexandre disse...

Anônimo, o resultado do teste rápido é semelhante aos demais fique sossegado. Se voce nesse período de 32 dias não teve outra relação desprotegida, o resultado é sim confiável e COMO VOCÊ ainda não está totalmente convencido, faça outro um pouco mais tarde PARA TIRAR DE VEZ O HIV das suas preocupações, pois certamente o NEGATIVO será confirmado mais uma vez.

Anônimo disse...

Alexandre , mesmo havendo um pequeno sangramento na boca , se eu ( homem ) receber sexo oral passivo dessa pessoa com sangramento há risco de contaminação ?? E a saliva pode neutralizar o vírus ??

Alexandre disse...

Anônimo, sinceramente não, pois para haver uma efetiva contaminação o sangramento tem de ser abundante, e o mais importante é que o sangue TEM DE ENTRAR NA SUA CORRENTE SANGUÍNEA...sendo assim você também deveria estar sangrando ou pelo menos COM UMA PORTA DE ENTRADA aberta para o vírus, ou seja, uma ferida aberta, uma dst, uma inflamação também aberta, enfim...POIS O HIV NÃO PENETRA NA PELE ÍNTEGRA.
Na saliva existem substâncias que 'diminuem' a ação infecciosa do vírus.

Abraços.

Anônimo disse...

Sou o autor da pergunta acima Alexandre e tenho outra duvida , o canal masculino ( URETA ) não é uma porta de entrada para o vírus no sexo oral passivo ??

Alexandre disse...

Anônimo...Não...nada entra pelo canal da uretra, só sai. Como citei acima...tem de EXISTIR UMA PORTA DE ENTRADA PARA A CORRENTE SANGUÍNEA...FERIDAS ABERTAS, ULCERAS PROVOCADAS POR DST.

Anônimo disse...

Alexandre sou o autor das perguntas acima meu nome é Lucas , sei que há mais probabilidades de mulher e homosexual pegarem o vírus por serem passivos na relação , mas o homem heterosexual caso transe com uma mulher soro + sem camisinha se nada entra pela ureta como é possivel a contaminação pelo HIV e dst ??

Alexandre disse...

Lucas, abaixo vou transcrever a palavra de vários especialistas(médicos), pois ninguém melhor que eles para dar explicações corretas :

Como o HIV infecta o homem durante o ato sexual?

Para que o vírus atinja a corrente sangüínea e cause a infecção generalizada, ele primeiramente infecta células específicas (macrófagos, células de langerhans e células dentríticas) localizadas nas mucosas (uma pele mais fina) genitais e/ou retais. Tais células têm a função especial de englobar partículas estranhas (vírus, bactérias, etc) e apresentá-las para as células de defesa do corpo humano (glóbulos brancos) para que essas possam destruir tais partículas. O HIV, dessa forma, penetra primeiramente nessas células que são então fundidas com linfócitos CD4+ (tipo de glóbulo branco) que então migram para tecidos internos. Dentro de dois dias, já se consegue detectar o vírus nos linfonodos ilíacos (regiões para onde drenam as partículas estranhas uma vez detectadas pelas células específicas) e logo após em linfonodos sistêmicos. Estudos microscópicos em humanos masculinos evidenciaram a presença dessas "CÉLULAS ESPECÍFICAS" na uretra e na pele interna do prepúcio (pele protumberante do pênis que recobre a glande)". Dessa forma, parece serem esses, os locais primários mais prováveis de infecção pelo HIV em homens.

Eu complemento que muitas dst são transmitidas pelo simples TOQUE PELE COM PELE, como HPV, HERPES, CANDIDÍASE, CANCRO.

Alexandre disse...

Lucas, o que 'eu' poderia lhe responder como 'leigo', já o fiz.
Agora as suas dúvidas 'técnicas' somente podem ser respondidas por especialistas, ou seja, médicos e cientistas, pois ultrapassaram o meu limite de conhecimento.

Abraços.

Anônimo disse...

Boa Tarde Alexandre,

Gostaria de saber se existe risco em três situações:

Beijo na boca de uma mulher logo apos ela fazer sexo oral sem camisinha como preliminar durante mais ou menos 5 a 10 min sem ejaculação (pois a boca estava com bastante saliva, ou poderia liquido préseminal)?

Tirar a camisinha com cuidado, lavar o penis para uma outra fazer sexo oral e depois colocar do mesmo jeito, porém talvez possa ter entrado do lado externo para interno muito pouco da secreção vaginal? (intervalo de ter tirado e posto a camisinha de uns tres a quatro min.)

E sexo oral propriamente dito na preliminar (a mulher fazendo no homem)?

Obs.: penis sem feridas ou dst.

Alexandre disse...

Boa tarde Anônimo,

Beijo na boca de uma mulher logo apos ela fazer sexo oral sem camisinha como preliminar durante mais ou menos 5 a 10 min sem ejaculação (pois a boca estava com bastante saliva, ou poderia liquido préseminal)?

Pelo que entendi nessa 'hipótese', ela fez sexo oral em VOCE, então quem correu risco foi ela, apesar de ser mínimo pois não houve ejaculação.

Tirar a camisinha com cuidado, lavar o penis para uma outra fazer sexo oral e depois colocar do mesmo jeito, porém talvez possa ter entrado do lado externo para interno muito pouco da secreção vaginal? (intervalo de ter tirado e posto a camisinha de uns tres a quatro min.)

Aqui também quem correu risco foi ela, sendo que você no caso poderia ter se contaminado por alguma DST e também ter corrido um provável risco ao ESTOURAR A CAMISINHA, JÁ QUE A MESMA É FABRICADA PARA UTILIZAÇÃO 1 VEZ SÓ.

E sexo oral propriamente dito na preliminar (a mulher fazendo no homem)?

Quem faz o oral é 'sempre' que corre mais risco para HIV E DST, por motivos óbvios, já que entra em contato direto com as secreções.

Anônimo disse...

Prezado Alexandre, meu nome é Carlos sou do RJ e gostaria primeiro, de te dar meus parabéns pelo blog e por todo o conteúdo explicativo acerca da Aids e das DST´s. O meu caso é o seguinte: Sou casado e tenho dois filhos lindos, eu e minha mulher temos relações como todo casal normal, ocorre que em meados de janeiro tivemos uma crise conjugal o que me levou a procurar satisfazer minhas necessidades com prostitutas. Tive três relaçoes de sexo oral passivo dentro do carros com garotas de programas em períodos diversos: 01 em janeiro, um no início de fevereiro e outro no início de março, sendo que neste meio tempo voltei a ter relações sexuais normais com minha esposa. Ocorre que, em meados de março comecei a apresentar uma tosse seca, ínguas em baixo do braço, fadiga muscular e candidíse, sendo que constantemente fico resfriado. comecei a pesquisar na net e verifiquei que esse sintomas são comuns ao HIV e fiquei paranóico, foi então que no final de março dia 29, fiz o teste de HIV 4ª geração e deu não reagente. Ocorre que, alguns sintomas não passam como o cansaço muscular e agora minha esposa também tem apresentado um quadro de vômitos, diarreías, manchas na pele e candidíase, além de reclamar de cansaço. Nós conversamos e ela me garantiu que nunca me traiu e nós também temos uma carga deasgastante de stress em nossa vida profissional. Agora te pergunto: será que as experiências que tive com as prostitutas que fizeram sexo oral em mim com ejaculação na boca pode ter me passado o HIV? o Exame que fiz pode me assegurar que não tenho no período apontado? ressalto que não tive outras experiências de sexo sem camisinha, apenas o oral com ejaculação e meu pênis aparentemente não tinha nenhuma fissura e nem tampouco percebi nenhum sangramento nas bocas das GPs. Ressalto que eu penso nisso todo santo dia e não aguento mais essa angústia, pois também acho que estou tão paranóico que meu psicológico está fazendo com que eu perceba que qualquer coisa seja em função do HIV. me ajude.

Alexandre disse...

Olá Carlos, obrigado.
Ao que me parece voce está nessa 'neura' pelo HIV sem razão e explico.
Pelo que entendi somente as moças fizeram oral em você, portanto FORAM ELAS que correram risco pois ELAS receberam a ejaculação, portanto SE VOCÊ fosse portador de HIV OU DST poderia te-las contaminado.
Como voce mesmo afirmou, foram somente essas as situações que lhe deixaram preocupado, então como voce realizou um teste de 4ª geração com janela suficiente, está confirmado que voce não tem HIV.
A candidíase tem várias causas e não é um sintoma específico do HIV, inclusive hoje no blog, eu postei uma matéria escrita por uma especialista, a qual gostaria que voce desse uma lida para se acalmar.
Voce também afirma que tem uma vida profissional estressante, isso já explica o cansaço. Vômitos diarréias e manchas na pele também tem várias causas, ou seja NENHUM desses sintomas INDICAM OU COMPROVAM A INFECÇÃO PELO HIV, até porque o seu teste É NEGATIVO.
Eu sugiro que tanto voce como sua esposa consultem-se com um ginecologista e dermatologista respectivamente, para terem desses profissionais as respostas e diagnósticos corretos do que pode estar acontecendo com a saúde de ambos e quais as causas, se for constatado algo.
Com toda a certeza o seu psicológico está afetando o seu dia a dia, porém aceitando essa sugestão voce estará dando o 1º passo para acabar definitivamente com a angústia.
Ee me desculpe a sinceridade, mas o que 'está pegando' é o fato das moças serem de programa, tanto é que voce não consegue perceber que ELAS é que correram risco real, não voce.
Só para finalizar sobre os 'sintomas'...EU tenho hiv a mais de 15 anos e nunca tive nenhum deles.

Abraços.

Anônimo disse...

Boa tarde Alexandre,

Mais uma vez te pergunto, pois sou o rapaz que postou as três situações e vou esclarecer melhor.
Eu e um amigo tansamos com duas prostitutas com camisinha e então aconteceram esses fatos:

- Após uma delas ter feito sexo oral no meu amigo (não sei a procedência dele), ela veio me beijar e fazer tb sexo oral em mim. A boca estava com bastante saliva (acredito que seja por ela ter chupado ele)e então estou paranóico pois não sei se na boca dela tinha o líquido seminal dele e se isso poderia me transmitir hiv ou dst?

- Tirei e pos a mesma camisinha, do mesmo lado, e no final não estorou não. Minha dúvida é se entrou alguma secreção da vagina para dentro da camisinha quando a tirei e a recoloquei? Corro algum risco, pois li que o virus morre quase instantaneo em ambiente externo?

Muito obrigado mais uma vez.

Alexandre disse...

Anônimo vamos lá :

- Após uma delas ter feito sexo oral no meu amigo (não sei a procedência dele), ela veio me beijar e fazer tb sexo oral em mim. A boca estava com bastante saliva (acredito que seja por ela ter chupado ele)e então estou paranóico pois não sei se na boca dela tinha o líquido seminal dele e se isso poderia me transmitir hiv ou dst?

Nessa situação o maior risco é para contaminação por DST, já que ela o beijou logo após ter feito oral sem camisinha no seu amigo. Para HIV é um risco muito baixo

- Tirei e pos a mesma camisinha, do mesmo lado, e no final não estorou não. Minha dúvida é se entrou alguma secreção da vagina para dentro da camisinha quando a tirei e a recoloquei? Corro algum risco, pois li que o virus morre quase instantaneo em ambiente externo?

Aqui não tem como saber se entrou ou não fluidos na camisinha, mas supondo que tenha entrado, o risco maior também é para DST, pois para o HIV seu pênis deveria estar com machucados abertos ou com alguma dst já instalada.

Na realidade, não adianta voce ficar na net procurando respostas CONCRETAS de algo que somente testes e exames poderão lhe dar com certeza. Portanto, marque uma consulta com um urologista, relate todo o ocorrido e aguarde as respostas corretas que o mesmo lhe dará.

Abraços

Gil disse...

Alexandre fiz o exame no cta no dia 17/06/2010 o resultoado sai com 20 dias. Cara estou ancioso. o meu caso foi sexo oral passivo porem peguei candida, ja me tratei, agora so falta o resultado. Pelo seu conhecimento o q acha que vai dar? E lembrando; candida tem haver com hiv?

Alexandre disse...

Gil, voce fez o que tinha de fazer e agora tenha um pouco de calma e paciência, que provavelmente seu teste será negativo, "SE O SEU RISCO FOI SOMENTE ORAL PASSIVO", ONDE QUEM MAIS CORRE RISCO É QUEM FAZ O ORAL.
Na verdade voce pode não ter pego essa cândida, mas já te-la no organismo, não saber e a mesma se manifestou agora, pois existem diversas razões para essa manifestação, stress por exemplo, e não somente pelo sexo.

Anônimo disse...

Olá Alexandre. Fiz tratamento de sífilis. Meu VDRL inicial era de 1:64, e agora, com 3 meses após o tratamento já caiu para 1:8. Segundo o Cta da minha cidade devo repetir o exame a cada 3 meses até que fique em 1:4 ou 1:2,(cicatriz sorológica. Em relação aos demais exames (hepatites e HIV estão todos negativos, inclusive já com exames de controle após janelas da referidas doenças. Minha grande dúvida é se existe o risco de eu ainda transmitir sífilis, ou se o exame mede apenas anticorpos que encontram-se em declínio, e como já terminei o tratamento esse risco não existe?
Desde já muito obrigado pelo grande carinho e atenção não só comigo, mas com todos o que procuram em você não apenas informação, mas um ponto de apoio em momentos de tanta dúvida e medo.

Gil disse...

Alexandre esquesi de te falar. nasceu uns furunculos em me dois grande eu nunca tive isso, sera que tem haver com hiv ou fase assintomatica?

Anônimo disse...

oi alexandre, fiz os exames das DST's, ESTOU COM BOLHINHAS, NA REGIAO DA BEXIGA, ja tem mais de dois meses que to com essas bolhinhas!O RESULTADO DO EXAME DE HERPES IGG DEU, NAO REAGENTE! esse exame é confiavel? se essas bolhas fossem herpes confirmaria no exame igg? se pudesse me esclarecer, eu ficaria mt grato! aguardo sua resposta!

Alexandre disse...

Gil, furúnculo não é sintoma de HIV e também pode ter várias causas, inclusive a mais comum "pelo encravado", ok.

-----------------------------------

Anônimo, esse é o exame correto para detectar a herpes, portanto NÃO REAGENTE significa que você não está com a doença, ok. Se voce perguntasse ao médico ele lhe explicaria muito melhor e com mais detalhes para lhe acalmar, ok.

Alexandre disse...

Anônimo, apesar de voce já ter feito o tratamento da sífilis, não é aconselhável ter relações sem camisinha ATÉ QUE O SEU MÉDICO O LIBERE TOTAL E DEFINITIVAMENTE, OK.
Continue realizando os exames de monitoramento e sempre que estiver fazendo-os, converse com o médico e siga suas orientações, pois ainda há risco de transmissão.

Abraços e obrigado pelas palavras.

carla disse...

boa noite alexandre fiz um teste de hiv com 39 dias dopois do risco e deu negativo foi um teste rapido chamado de bio manguinho hoje fazem 60 dias e estou com muito medo de repetir o exame e dar um resultado diferente pode acontecer?
obrigada

Alexandre disse...

Boa noite Carla...por que o medo se o seu teste realizado já lhe mostrou que voce NÃO TEM HIV!
Voce até poderia ter medo se tivesse um resultado indeterminado, inconclusivo ou positivo, MAS DEU NEGATIVO, percebeu?
Faça, receba um novo negativo e desencane de uma vez por todas.

Abraços

carla disse...

alexandre muito obrigada pelas resposta e espero ter mesmo coragem de faze-lo.
fica com Deus e que ele nos ilumine

Anônimo disse...

Bom dia Caro Alexandre,

Obrigado por ter me respondido as três situações que postei anteriormente, pois sou a mesma pessoa. Gostaria de parabenizá-lo por tudo pois sua conduta é admirável e nos dá uma certa luz até melhor de que muitos médicos.

Após as suas respostas fui a um médico infectologista e solicitei os exames de HIV/VRDL / hepatite e contei toda a minha história. Ele me disse que deveria fazer o exame e que meu risco foi pequeno e não mínimo ou teórico. Disse tb que para ter certeza deveria refazer após 5 meses, pois tinha dito que essa última relação de "possível risco" tinha sido entre 29/30 à 31/32dias, ou seja, no mínimo 30 dias. Realizei todos os exames e no dia seguite peguei o resultado. Deu não reagente para todos e o antihiv 0,13 (quarta geração). Li no seu blog que poderia ficar tranquilo mas li tb em outros site oficiais que deveria ser 60 ou até 90 dias para ser definitivo.

Gostaria que me desse um conselho pois como não tive relações de alto risco (apenas ela fazendo sexo oral em mim) como foi dito nas minhas postagens anteriores, será que esse resultado é suficiente? Será que a qtde não foi suficiente para pegar no exame? Médicos (com autoridade no assunto) asseguram essa confiabilidade de carater definito com 29/30 dias após essa possível exposição?

Alexandre Muito obrigado pois estou bem mais confortável mas o medo ainda existe devido a diversas opniões qto a esse tempo de janela. Dizem que os testes dos CTA te dão certeza de 1 mês e nem é tão completo como de um laboratório que faça o teste de quarta geração, é isso mesmo?

Muito obrigado mais uma vez e fique com Deus.

Anônimo disse...

Oi Alexandre, desculpe-me torná-lo a perguntar pois sou o mesmo rapaz que que postou sobre o exame negativo de 30 dias. Influência no resultado a qtde do vírus a tal ponto que só possa ser detectado em mais de 30 dias ou 45 ou 60 dias ou após 30 dias não faz diferença independente da qtde? O anticorpo é detectado em +ou- 20 a 30 dias e o antígeno P24 em menos de 20 dias, poderia entre um intervalo para eficiencia nos teste dar falso negativo?

obs: A proteina sai do sangue com 1 mes não é isso, e o anticorpo poderá ser detectado após 1 mes? Então não existiria uma janela entre essa passagem acima ou assim que a ptn 24 saisse já acusaria o anticorpo e/ou poderia acusar simultaneamente?

Mto obrigado

Alexandre disse...

Anônimo 1...os testes realizados nos CTA's, apesar de serem de 3ª geração, são tão seguros e confiáveis como os de laboratórios particulares. A unica diferença é que voce não paga para realizá-los.
Dê uma lida na postagem 'DURAÇÃO DA JANELA', que lá voce irá ver o que especialistas dizem a respeito dos testes e da janela.
Os teste de 4ª geração geralmente só estão disponíveis nos lab. particulares e além de detectar os anticorpos do hiv, também detectam uma 'proteína - p24' que existe na estrutura do hiv, por isso são mais completos, digamos assim.
Se voce não está convencido e seguro do resultado do seu teste, refaça e receba novo negativo para desencanar de ma vez.

-----------------------------------

Anônimo 2...dê uma lida na resposta acima e também na postagem que citei.
Os teste de hiv NÃO DETECTAM QUANTIDADE DE VÍRUS, DETECTAM ANTICORPOS DO MESMO, E UMA VEZ QUE UMA PESSOA É INFECTADA, ELES 'PROCURAM' ESSES ANTICORPOS PARA DETERMINAR SE É POSITIVO OU NEGATIVO.

---------------------------------

mnte

Anônimo disse...

boa tarde alexandre,uma pessoa me passou molusco contagioso, se ela for infectada pelo hiv, ela pode ter me infectado com hiv na hora que me transmitiu o molusco, de forma simultanea? abraços! obs sempre uso camisinha, e so me relacionei com essa pessoa uma vez, e estava td bem na minha regiao genital! aguardo a resposta

carla disse...

boa tarde alexandre é a carla novamente eu gostartia de te fazer outra pergunta.
fiz o teste de hiv 1 e 2 hoje com 62 dias depois do risco(que foi sexo oral sem camisinha e sem ejaculaçao na minha boca)antes havia feito o bio-manginhos com 39 dias e deu negativo. esse exame é eficaz nesse periodo e em relaçao aos casos raros q sao definidos apos 90 dias? qual a porcentagem de uma pessoa ser esse caso raro? existem casos assim no brasil?
posso ficar tranquila se o resultado desse ultimo exame for negativo ?

to pirando!!!!
obrigada pela pelo espaço e por ter me encoragado ante a fazer o exame.que Deus te abençoe.

Alexandre disse...

Anônimo, Se a pessoa que lhe transmitiu o molusco, também é portadora do HIV, pode ou não ter ocorrido a transmissão. Mas como voce disse que 'usou camisinha', então pelo HIV voce não se contaminou, pois a transmissão do molusco se dá pelo 'contato de pele' simplesmente e o HIV tem de haver contato dos fluidos(esperma, vaginal, sangue) com sua corrente sanguínea.

-----------------------------------

Oi Carla...não entre em outra paranóia, pois voce tem 03 testes de hiv e TODOS NEGATIVOS, que comprovam cientificamente e com toda a certeza que voce não foi infectada.
Voce não faz e nem fará parte de casos 'raros', portanto deixe de se influenciar por desinformação inutil.
Se voce quiser realizar novo teste após os 90 dias, é um direito seu e certamente será mais um negativo, só que dessa vez 'esqueça definitivamente o HIV', 'eu' já teria esquecido agora mesmo...SÓ NUNCA MAIS ESQUEÇA DA CAMISINHA EM TODAS AS RELAÇÕES, pois voce já sentiu o 'drama' de ficar pirada né.

Abraços.

carla disse...

oi alexandre. bom dia é a carla(dinovo). me desculpa echo que nao expliquei direito eu nao tenho 3 exames eu so tenho 1 de 39 dias que deu negativo aquele teste rapido e outro aos 63 que ainda nao saiu o resultado, sera que o resultado pode ser diferente do primeiro? e esse exame hiv 1 e 2 depois dos 60 dias é definitivo?
peço desculpa pela insistencia e te agradeço imensamente.

Alexandre disse...

Oi Carla, mesmo assim a resposta é a mesma e voce está nessa paranóia sem motivos. Como o resultado desse novo teste também será NEGATIVO, vamos combinar uma coisa?
Com o resultado na mão voce DELETA todo e qualquer site, blog, arquivo que trata de HIV, esquece o assunto e como disse antes NUNCA MAIS ESQUECE DA CAMISINHA EM TODA RELAÇÃO SEXUAL OK?

Abraços

Anônimo disse...

Olá Alexandre

Gostaria de saber o seguinte : sou homem pratiquei sexo oral, não houve ejaculação, corro o risco de contarir HIV. E sifilis corro o risco? Os sintomas(sinais) da sifilis se caso eu me contaminei apareceram na boca ou no penis.

Alexandre disse...

Anônimo, como não houve ejaculação o risco PARA HIV apesar de existir é pequeno, nesse caso sendo maior PARA DST. Portanto para descartar tanto um como outro procure um urologista que o mesmo lhe orientará corretamente.
Quanto a sífilis, no início da infecção pode aparecer uma pequena ferida no penis e ínguas +- após a 2ª ou 3ª semana da relação.
Podem aparecer feridas na boca, mas isso acontece quando a doença já está em estágio avançado.
Consulte-se com o profissional que lhe sugeri, pois no caso de uma suposta contaminação pela sífilis, existe tratamento e cura da mesma.
Inclusive se voce quiser pode ir em um CTA para realizar os testes de HIV/SÍFILIS/HEPATITES, todos gratuitos.

Anônimo disse...

Alexandre

Referente a pergunta anterior, mesmo eu tendo feito so sexo oral,sem o uso do meu penis, os sinais(sintomas) da sifilis pode aparecer no meu penis? Fazem 19 dias(2 semanas e meia)e ontem apareceu uma machucado bem pequeno quase invisivel naquela pele da ponta do penis, nao na cabeça, na pele.

Alexandre disse...

Anônimo, não acredito que seja sinal de sífilis, pois quando aparece é bem visível e pode até apresentar feridas. O que voce está esperando para fazer um exame e acabar de uma vez com essa dúvida?
Já deu tempo suficiente para saber com certeza se a tem ou não e a sífilis quando não diagnosticada e tratada a tempo, trás consequências até piores que o próprio hiv. Pare de ficar procurando 'suposições' na net, faça sua consulta e acabe de uma vez com sua preocupação. Repetindo, não esqueça também das outras dst.

Anônimo disse...

Olá Alexandre

Referente ainda a pergunta anterior, quais são os exames que o medico urologista faz ou que devo solicitar, posso fazer de imediato , e o resultado é seguro.

Alexandre disse...

Anônimo, fique tranquilo que o urologista sabe quais são os testes e exames que você precisa fazer. A sua parte é relatar ao médico tudo sem omitir nada, assim ele poderá realizar o que for necessário.
Todos os testes e exames são seguros e eficazes quando monitorados e acompanhados por um médico.

Anônimo disse...

Boa noite Alexandre, sou eu o carlos do RJ. primeiramente, obrigado pelas orientações, minha esposa já foi hoje ao dermatologista. No que se refere as protistutas, de fato minha neura é por isso sim que associada aos outros sintomas está me deixando paranóico. Gostaria de saber se caso a pessoa manifestasse todos os sintomas que relatei: tosse seca, ínguas em baixo do braço, manchas no corpo, diarréia, caso estivesse realmente com HIV, já seria detectado no Exame, ou os sintomas podem surgir e o HIV ainda não ser detectado em função da defesa do organismo? A propósito, minha terceira relação de risco, ou seja, o último oral passivo se deu no dia 06/03/2010 e meu exame foi feito em 29/03/2010, vc acha que já tinha janela suficiente ou devo repeti-lo? confesso que tenho medo de repetir e quando realizei o mesmo, eu já tinha um quadro gripal e íngua nas axilas, mas não foi detectada nenhuma infecção nem no hemogranma nem no HIV. desde já, deixo um abraço e obrigado.

Alexandre disse...

Boa noite Carlos, voce percebe que na 'sua mente' não existe mais nada além do HIV?
Pense bem, se voce 'hoje' está nesse desespero com tantos testes negativos, imagine antes de realizá-los. Isso por si só já explica os sintomas que voce relata.
Voce trocou as 'bolas', pois os sintomas NÃO SÃO UMA REGRA após a contaminação, pois existem pessoas que os sentem outras não, 'eu' sou um exemplo disso como já citei. Quando o vírus entra no organismo humano a reação do corpo é imediata e os anticorpos começam a ser produzidos, tanto que os testes mais avançados já o detectam em pouquíssimo tempo.
Porém o 'seu caso' está ficando claro que não é mais contaminação pelo HIV, na verdade nem risco voce teve e se houvesse alguma chance, OS TESTES JÁ MOSTRARAM QUE VOCE NÃO TEM HIV.
Está na hora de voce marcar um consulta com um urologista ou um infectologista, para relatar tudo que voce relatou aqui e RECEBER DELES UMA RESPOSTA PROFISSIONAL E DEFINITIVA, já que na resposta da CIÊNCIA (OS TESTES) voce não acredita.
Só para esclarecer, hemograma não indica e nem comprova a infecção pelo HIV, somente os testes, os quais voce já fez.
Comece a 'enxergar' as prostitutas como 'mulheres', pois é o que elas são independente da profissão. Garanto que sua paranóia começará a ir embora.

Abraços

ALENCAR disse...

Oi Alexandre encontrei por acaso o seu Blog e já fiquei fã, agora vai minha dúvida.
Duas garotas fizeram sexo oral em sem camisinha e as beijei muito na boca e de lingua, mas na penetração foi tudo com camisinha, quais são os riscos de eu ter pegado HIV delas se elas forem HIV positivas?

Alexandre disse...

Oi Alencar, que bom que o 'acaso' está a meu favor rsrs...obrigado.
Se a penetração foi com camisinha, o risco para HIV NÃO EXISTE.
Se as meninas fizeram sexo oral em voce sem camisinha, o risco para contaminação para o HIV/DST QUEM CORREU FORAM ELAS e por motivos óbvios, claro desde que voce fosse portador.
Voce poderia correr algum risco para infectar-se por alguma DST, claro também se elas fossem portadoras de alguma.
Na dúvida e para não ficar 'sempre' se preocupando USE CAMISINHA EM TODAS AS RELAÇÕES...TODAS INCLUSIVE ORAL.

Abraços.

Anônimo disse...

Oi Alexandre, sou eu o carlos. Na verdade fiz apenas 01 teste que foi o do dia 29/03/2010, sendo que meu último oral passivo foi em 06/03/2010, teve janela suficiente?

Alexandre disse...

Carlos, se o teste foi de 4ª geração a janela foi suficiente.

Abraços

ell(RN) disse...

gostaria primeiramente de parabeniza-lo pelo seu blog que elucida muitas questoes prinsipalmente pra pessias que estam na paranaia do hiv(como eu).
gostaria que voce me tirasse uma duvida se posivel alexandre.
60 dias apois do risco de contaminaçao por hiv se eu fizer um exame um exame de hiv 1 e 2simples e ele for negativo eu posso ficar tranquila ele pode ser definitivo ou devo tirar contra prova?
gostaria muito da tua opiniao como leigo/entendido que voce é.
obrigada

Anônimo disse...

Alexandre, foi o sistema architect combo abbott, feito no labaratório sergio franco e que analisa o antígeno p24. é de 4ª geração?

Alexandre disse...

Ell obrigado.
Um teste feito após 60 dias da ULTIMA RELAÇÃO DESPROTEGIDA já é totalmente confiável, "SE DURANTE ESSE PERÍODO VOCÊ NÃO TEVE NOVAS RELAÇÕES DESPROTEGIDAS".
A maioria das pessoas, mesmo com resultados negativos após 60 dias 'não acreditam e nem confiam totalmente', por isso se você é uma delas realize outro teste PARA CONVERCER A SÍ PRÓPRIA, ok.

Abraços.

Alexandre disse...

Sim Carlos, é de 4ª geração!

carla disse...

Alexandre boa tarde gostaria de te agradecer pela força que você me deu pra realizar meu segundo teste de HIV. Pra mim seu incentivo valeu muito OBRIGADA. Olha só tenho mais uma duvida: fiz o primeiro teste no CTA com 39 dias um teste rápido e o segundo com 62 dias um Elisa simples acho que de 3 geração não sei bem. Os dois (com a graça de Deus) derao não reagente. Mais estou na duvida com o seguinte: o teste rápido tudo bem sair logo mais o Elisa demorou muito pouco me deram um prazo no laboratório de 5 dias mais saiu com 3 dias. Mais ouvi dizem que o prazo coreto é de 10 a 15 dias. O que você na acha? Há e eu não gostaria de realizar um com 90 dias posso ficar tranqüila com esses dois? É definitivo? Gostaria que você fosse categórico na sua resposta, pois confio nas suas afirmações.
muito obrigada. você ta fazendo a diferença no mundo.
que Deus te ilumine sempre.

Alexandre disse...

Carla...outra vez o tal do 'ouvi dizer', né.
Fique tranquila que o laboratório liberou o resultado do seu teste porque foi 'possível' liberá-lo antes do prazo.
Eu 'aposto' que se o resultado ainda não tivesse saído voce estaria encucada e reclamando da demora.
Carla, na 'minha opinião' voce não tem HIV sendo suficientes os testes que realizou, é isso o que acho, mas aqui entre nós VOCE JÁ ESTÁ CONVENCIDA?
É esse o 'problema'. Pare de dar ouvidos e atenção ao tal e inconveniente 'ouvi dizer', pois esse 'tal' nunca vai deixá-la em paz e sempre lhe fará duvidar de tudo, ok.

Abraços

ALENCAR disse...

Oi Alexandre desculpe te incomodar, mas não entendi quando voçê disse "Voçê poderia correr algun risco para infectar-se por alguma DST, claro também se elas fossem portadoras de alguma." O que quer dizer com isso? O que entendi foi que posso ter contraido HIV ao receber sexo oral se no caso elas forem portadoras de HIV ou alguma DST. Desculpe minha ignorância, mas vc pode me esclarescer sobre essa dúvida? Desde já obrigado e agradeço pela atenção

Alexandre disse...

Alencar, vamos colocar assim:

Quais doenças/vírus que podemos 'pegar' sexualmente?

HIV(AIDS), GONORRÉIA, SÍFILIS, HERPES, HPV, HEPATITE, CANCRO, ETC...OK.

Só que para acontecer o contágio A SUA PARCEIRA OU PARCEIRAS OBRIGATÓRIAMENTE TEM DE SER PORTADORAS DE ALGUMAS DESSA DOENÇAS/VÍRUS, OK.

Se ela ou elas não possuem nenhuma doença/vírus, não há como pegar algo que não existe, ok.

No seu caso, voce transou (penetrou) usando camisinha, então não houve risco para O CONTÁGIO/TRANSMISSÃO, OK.

Somente no sexo oral QUE ELAS FIZERAM EM VOCÊ NÃO FOI USADO CAMISINHA, portanto dessa forma o risco para contágio pelo HIV é praticamente nulo e poderia...repito...poderia haver risco para voce 'pegar' alguma outra doença, "SE ELAS TIVESSEM ALGUMA" E MESMO ASSIM O RISCO TAMBÉM NÃO É MUITO GRANDE, OK.

ALENCAR disse...

Obrigado Alexandre pelo esclarescimento e pelo bem que vc faz as pessoas com suas palavras, pois apesar de vc não ser médico vc é um perito no assunto através do conhecimento e das pesquisas que vc faz e principalmente pela própria experiência de vida que tem. Obrigado, Paz e Bem.

Anônimo disse...

Boa tarde Alexandre, sou eu de novo o Carlos do RJ. Só para finalizar minhas neuras gostaria que me ajudasse a interpretar o meu exame. o resultado foi o seguinte: HIV 1+2 - ANTICORPOS
PESQUISA DE ANTICORPOS ANTI-HIV 1+2
Valor de Referencia: Nao reativo
SISTEMA ARCHITECT HIV Ag/Ab Combo - ABBOTT: NAO REATIVO

LEITURA (INDICE S/CO): 0 . 08

PONTO DE CORTE (CUT-OFF): 1 . 00

LOTE: 78170HN00
METODO:
Ensaio Imunoenzimatico de Microparticulas Quimioluminescentes para deteccao simultanea do antigeno p24 do HIV e dos anticorpos contra o HIV-1 (grupo M e grupo O) e contra o HIV-2.
CONCLUSAO:
AMOSTRA NAO REAGENTE PARA HIV.

Agora a pergunta: O que seria essa leitura? esse índice de 0.08 indica alguma coisa? o resultado pode ser considerado definitivo? o que o ponto de corte?
Grato, com relação a minha esposa a dermatologista falou que o tipo de manchas que aparecerão foi em função do stress. abs. aguardo resposta.

Alexandre disse...

Alencar, obrigado pelas palavras e pela confiança.

Abraços.

-----------------------------------

Carlos, o seu teste é de 4ª GERAÇÃO um dos mais avançados/completos e NÃO REAGENTE = NEGATIVO PARA HIV.
Dessa forma está comprovado cientificamente que HIV VOCE NÃO TEM!
A maioria das pessoas que fazem o teste não se contentam com o que mais importa, O RESULTADO e ficam procurando algo para 'tentar' não acreditar no mesmo...não é uma crítica, apenas uma observação ok.
Cut off/referência/ponto de corte ao 'pé da letra' quer dizer LIMITE, ou seja, se voce prestar atenção em qualquer exame/teste realizado para qualquer doença, neles sempre estarão mencionados esses cut off/referência/ponto de corte, que servem para APONTAR O LIMITE SE UM TESTE/EXAME É NEGATIVO OU POSITIVO(REAGENTE/NÃO REAGENTE).
No caso do HIV e do seu teste o CUT OFF/REFERÊNCIA/PONTO DE CORTE=LIMITE É "1.00".
Então se o resultado for IGUAL OU MAIOR QUE "1.00" SIGNIFICA QUE O TESTE É POSITIVO.
Se o resultado É MENOR QUE 1.00 SIGINIFICA QUE O TESTE É NEGATIVO...O SEU CASO, QUE APONTA "0.08"...muitooooooo inferior aos "1.00", que finalmente quer dizer que É NEGATIVO E QUE VOCE NEM MESMO TEVE CONTATO COM O VÍRUS HIV!
Coloque um ponto final na sua história com o HIV que na verdade nem é uma história, pois o mesmo não faz parte dela.
E voce e sua esposa cuidem-se para que o STRESS não faça mais estragos.

Abraços.

Anônimo disse...

Caro Alexandre.
Bom Dia.
Algumas dúvidas que eu tinha voce ja esclareceu, sobe receber sexo oral de uma prostituta a chance de isso acontecer é quase nula.
Porem a minha questao é que a minha mulher esta gravida de 5 meses seria melhor fazer um exame antes de qualquer contato?
Pois posso passar a ela e ao feto o problema?
Tudo isso ocorreu no dia 11/08. Quando acha que é melhor eu fazer os exames.

Abraços. Parabens pelo Blog.

Alexandre disse...

Bom dia anônimo, bem 'eu' acredito que voce não correu risco algum, mas voce não. Então voce não estando seguro disso, deveria evitar ter relações com sua esposa pelo menos até poder fazer um teste de hiv para tirar de vez essa idéia da sua cabeça.
Espere até 11/09 e faça um teste rápido em um CTA, que lhe dará o resultado em minutos, ok.
Respondendo sua pergunta..."Se um homem está contaminado 'comprovadamente' pelo HIV, pode transmití-lo à sua esposa e esta pode transmití-lo ao bebê".

Abraços

Anônimo disse...

Olá Alexandre....Estou com um medo enorme...pela 1 vez um cara fez sexo oral em mim {me chupo}....tipo eu queria saber o seguinte ,caso ele tenha o virus hiv, e fez o sexo oral em mim ,eu posso ter pegado o virus hiv dele??

me tira esse medo q to....obrigado ,obrigado,obrigado...

Alexandre disse...

Anônimo, vou lhe fazer umas perguntas e voce responde a sí mesmo ok?
1-A boca do seu parceiro estava sangrando abundantemente(muito)?
2-O seu penis também estava sangrando muito?
3-O seu penis e a boca do ser parceiro estavam com feridas e cortes abertos?
Acredito que as respostas sejam Não, ok?
Então desencane porque quem corre mais riscos é que faz o sexo oral(chupa).
Para evitar ficar apavorado USE CAMISINHA EM TODAS AS RELAÇÕES.

Anônimo disse...

Ola alexandre....mas entao mesmo o cara tendo aids ,ele pode passar o virus pra mim?fazendo oral em mim???
desculpe pela insistencia minha.....

Alexandre disse...

Anônimo, a resposta é a mesma, ou seja, SOMENTE EXISTINDO O QUE RELACIONEI PODERIA HAVER A CONTAMINAÇÃO..."PODERIA".

Anônimo disse...

Olá Alexandre, a um tempo atras uma prostituta de rua fez sexo oral em mim por alguns segundos 10 no maximo, tenho risco de pegar HIV? O esperma de outro que ela tenha realizado sexo oral pode me passar o virus? Obrigado

Alexandre disse...

Anônimo, nessa situação NÃO HÁ NENHUMA CHANCE DE TRANSMISSÃO "DO HIV".

Anônimo disse...

Obrigado Alexandre, parabéns pelo BLOG.

Divulgarei a todos que me perguntarem sobre esses problemas.

Anônimo disse...

Alexandre fiquei com uma garota numa balada e nos beijamos muito e não sabia que ela era de programa só depois ela me contou , e os beijos foram de lingua e ela estava com a garganta ruim tipo roca, posso pegar HIV através dessa cituação se ela for portadora de HIV. Desde já obrigado.

Alexandre disse...

Anônimo, BEIJO NÃO TRANSMITE HIV!!!...Vou transcrever abaixo a palavra 'na íntegra' de ESPECIALISTAS. Esta matéria foi publicada na SABER VIVER - ON LINE, uma revista especializada e muito séria sobre HIV/AIDS (www.saberviver.org.br).

A MATÉRIA : "No dia 13 de abril, o mundo comemorou o dia do beijo. Uma boa oportunidade de lembrar que o HIV não é transmitido através da saliva. Apesar desta informação ser cientificamente comprovada, a polêmica do beijo na boca ressurgiu com o novo teste rápido para detectar o HIV realizado através da saliva. O psicanalista e coordenador da pesquisa com esse teste, Paulo Telles, em entrevista à Agência Aids, afirmou que algumas pessoas que participaram da pesquisa ficaram em dúvida sobre a possibilidade de transmissão, uma vez que o teste é através da saliva. "Explicamos que não há nenhum risco de transmissão. Neste tipo de teste, detectamos os anticorpos que o nosso organismo produz quando percebe a presença do vírus da aids. Não verificamos a presença de vírus".
A infectologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas (SP), também em entrevista à Agência Aids, assegura que a quantidade de vírus encontrada na saliva não é suficiente para infectar outra pessoa: "É necessária uma quantidade bem maior de vírus. Não é possível ocorrer a infecção através do beijo na boca"

Tire sua conclusões ok.

Abraços

Anônimo disse...

Olá, estou com a AIDS na cabeça, fiz sexo com uma amiga a 1 ano atras foi sem camisinha, ela fez o exame em uma clinica particular depois de 40 dias, e o resultado foi negativo, fiz sexo com garota de programa mas foi com camisinha (fiquei surpreso de como elas se cuidao, o sexo oral começa com camisinha) tive o mesmo problema que um amigo ai acima, sexo oral rapido com garota de programa, alguns segundos somente.

A pergunta é a seguinte tenho chance de ter contraido o virus? estou enrolando de fazer o teste tenho medo do resultado, mas com a experiencia que voce tem, quais são as chances? Muito Obrigado!

Alexandre disse...

Anônimo, se o se 'risco' foram somente esses que relata, não houve chance de transmissão do HIV, caso a moça fosse portadora, isso se nesse ano que passou você não teve nenhum 'risco real'.
Porém para você ter TOTAL certeza que não tem o HIV e desencanar de vez, SÓ FAZENDO O TESTE, que em um CTA será gratuito, sigiloso e em minutos sai o resultado. Mas se você prefere ficar na duvida a vida toda, a escolha é sua e a auto tortura só tende a aumentar.

Abraços

Anônimo disse...

Alexandre os ricos foram somente esses que te passei, nao fiz mais nada com nenhuma outra, somente isso, eu vou fazer o teste, so gostaria de saber de voce que se mostra tao experiente no caso, se as chances sao baixas, nesse caso as chances são minimas? Obrigado

Alexandre disse...

Anônimo, a minha resposta é a mesma e como você garante que não houve mais nenhum suposto risco, faça seu teste tranquilo, ok.

Abraços

Alexandre disse...

RODRIGO...Eu não adiciono ninguém no meu MSN - ON LINE porque não o uso mais, somente recebo e respondo e-mails. Se você quiser me envie uma msg que respondo sem problemas.

Anônimo disse...

Há quase 60 dias uma garota fez sexo oral em mim (me chupou) durante no maximo 10 minutos, onde nao gozei mas nao posso dizer se aquele liquido que vem antes da ejaculação chegou a sair. Após 15 dias, tive diarreia durante uma semana, febre uma noite apenas e dor de cabeça somente uma vez. Tive tambem uma alergia no rosto onde ficou cheio de bolinhas bem pequenas, na virilha e escroto ficaram vermelhos, mas sem coçar. Um dia depois dessa garota me chupar, transei com minha namorada sem camisinha, onde houve penetração e ejaculação dentro da vagina. A ultima data que transei com ela faz aproximadamente 45 dias, já que tive que viajar a trabalho e ainda nao retornei. Nesse período todo ela nao apresentou nenhum tipo de sintoma. Seria possivel eu estar contaminado e ela não? Gostaria de saber da sua opinião sobre meu caso. Desde já agradeço e parabéns pelo site. Você é um vencedor, desejo tudo de melhor para sua vida!

Alexandre disse...

Anônimo, obrigado!
Na relação que você cita da garota que lhe fez oral, QUEM CORREU RISCO FOI ELA E NÃO VOCÊ POR MOTIVOS ÓBVIOS, JÁ QUE FOI ELA QUEM RECEBEU INTERNAMENTE (NA BOCA) OS FLUÍDOS!
O que você sentiu pode ter várias causas, má alimentação, excessos, gripe, resfriado, enfim, nada a ver com a relação.
Vamos falar sem hipocrisias?
As unicas relações de RISCO REAL para transmissão do HIV E DAS DST foram as que você teve com sua namorada..."CLARO, CASO VOCÊ OU ELA TENHAM HIV OU ALGUMA DST E SE FORAM FEITAS SEM CAMISINHA".
Portanto só há 2 maneiras de saber se ambos não tem nada :

1- AMBOS SE TESTAREM PARA O HIV!

2- AMBOS SE CONSULTAREM COM MÉDICOS, ELA COM GINECOLOGISTA E VOCÊ COM UROLOGISTA, PARA DESCARTAREM AS OUTRAS DST!

O restante é só suposição e achismo que não resolvem nada, ok.

Abraços

Anônimo disse...

Alexandre, sou o anonimo q postou acima. Com relação a minha namorada, sei que ela nao tem HIV ou qualquer DST. Agora gostaria de saber com relação a essa situação, onde eu passei o risco, se seria possivel eu ter contraido o virus e ai depois de ter transado com ela sem camisinha, ela nao contrair o virus. Da parte dela estou tranquilo, estou preocupado com relação ao que passei.
Desculpa pela insistência e mais uma vez obrigado!

Anônimo disse...

Eu também nao tenho nenhuma dst e hiv fiz o teste esse ano pela ultima vez no começo do ano e deu negativo. Só para completar as informações. Obrigado

Alexandre disse...

Anônimo, raciocine comigo ok.

1-NA RELAÇÃO CITADA "VOCÊ" NÃO CORREU RISCO!

2-VOCÊ NÃO TEM NENHUMA DOENÇA!

3-SUA NAMORADA TAMBÉM NÃO TEM!

Onde está a dúvida?

"se não existe nenhum risco, nenhum vírus e nenhuma doença, NÃO DEVE HAVER PREOCUPAÇÃO"

Abraços

Anônimo disse...

A gente fica em duvida depois dessas besteiras que cometemos. Aparecem esses sintomas que são normais no nosso dia a dia, mas por ter feito besteira, já vem o pior na cabeça na hora. Pra mim tudo isso está sendo um grande aprendizado. A cabeça da gente tem um poder muito grande e por isso obrigado por esclarecer minha dúvida. Com certeza irei repensar minhas atitudes depois desse episodio. Só posso agradecer a você por fazer esse trabalho e lhe desejar muitos anos de vida pois pessoas como você são mais do que importantes nesse mundo. Felicidades...Um grande abraço...

Anônimo disse...

Alexandre com o conhecimento que vc tem em relação ao HIV e o maneira de como pode haver a contaminação quero saber qual sua palavra baseada no conhecimento que tem sobre um caso que aconteceu comigo.
Recebi sexo oral de duas garotas (me chuparam) e não houve penetração alguma e não pratiquei sexo oral nelas (não as chupei). Hoje fiu a um COAS e tiraram meu sangue pra fazer o teste HIV e daqui a 20 dias sai o resultado. Estou preocupado com essa cituação pois como disse recebi sexo oral de duas garotas sem preservativo, qual é a probabilidade de eu ter sido contaminado se elas ou uma delas for portadora do vírus HIV?
Outra pergunta, voçê sabe ou já leu em alguma revista ou artigo se alguém já foi contaminado em receber ou fazer sexo oral?
Obrigado pela atenção.

Alexandre disse...

Anônimo, RECEBER SEXO ORAL não é risco para contaminação pelo HIV, sendo mais provável para DST. Quanto a sua pergunta NÃO EXISTE UM SÓ CASO de uma pessoa que foi contaminada EXCLUSIVAMENTE POR TER RECEBIDO SEXO ORAL!
Aguarde o seu resultado para desencanar.

Abraços.

Anônimo disse...

Olá Alexandre, estou numa situação de nervos que já nem me aguento de ansiedade...a minha situação é a seguinte:
Sou mulher e fiz sexo oral sem protecção num homem que tem por hábito ter muitas parceiras sexuais e com sorologia desconhecida. No entanto, ele disse-me que costuma usar sempre camisinha excepto no oral. Acontece que eu tinha uma ferida seca dentro da boca (junto ao lábio) que fiz a comer pastinha elástica e ela já nem me doía. Ele não gozou na minha boca e se tinha fluído pré-ejaculatório, nem dei pela sua existência durante o acto. Contudo, muito depois de ter lavado a boca e os dentes, com os nervos acabei por arrancar uma membrana de cicatrização que estava a cobrir essa ferida e logo percebi que não houve sangramento durante o oral. Acha que essa ferida pode ser uma forma de entrada do vírus do hiv? Por favor me aconselhe,já fiz o teste com 21/22 dias de intervalo e estou a aguardar o resultado, mas estou ficando louca e ainda por cima voltei para uma relação de vários anos que havia terminado...

Alexandre disse...

Anônima, primeiro mantenha a calma porque NADA comprova que você adquiriu o HIV, ok.
Nós sabemos que no sexo oral ativo (você faz num homem) existe um maior risco quando há a ejaculação e muito pequeno se não houver. Porém em ambas as chances de contaminação pelo HIV dependem de muitos fatores 'juntos', como feridas ABERTAS, inflamações na boca e presença de SANGUE, não pouco e sim grande e constante para que haja a possibilidade do vírus entrar na corrente sanguínea.
Como você relata que estava com uma ferida seca na boca, descarte essa possibilidade e o fato de você ter arrancado uma membrana da mesma após higienização também descarta essa possibilidade, afinal...PRESTE BEM ATENÇÃO...CASO(SE) HOUVESSE A PRESENÇA DO VÍRUS, O MESMO JÁ ESTARIA INATIVO, POIS EM CONTATO COM O AR, LÍQUIDOS, SABONETE, ETC., ELE "MORRE" EM SEGUNDOS!
Minha amiga, se o seu 'risco' foi somente esse, fique tranquila, aguarde o seu resultado que provavelmente será NEGATIVO, e caso você não se convença por causa da 'janela', faça outro de confirmação que se repetirá o mesmo NEGATIVO...PARA O HIV!!!
Não esqueça de procurar um médico para descartar as outras DST, pois estas sim são mais fáceis de adquirir no sexo oral, ok.

Abraços

Anônimo disse...

Alexandre uma garota fez sexo oral em mim sem camisinha por bastante tempo e meu pênis estava machucado(esfolado) e depois disso fiquei com o pênis dolorido por uns 4 dias devido ela ter chupado muito.
Diante desta situção qual a proporção de risco de eu me ter sido contamindado com o HIV?
Obs: eu só recebi sexo oral e não pratiquei nela.

Alexandre disse...

Anônimo, quem mais correu risco para se contaminar pelo HIV E DST FOI A GAROTA, pois além dela entrar em contato direto com o seu sêmen/esperma, também teve contato com o seu machucado.
Você no máximo correu risco para DST, claro sempre lembrando SE A OUTRA PESSOA FOR PORTADORA.
Marque uma consulta com um urologista para desencanar de vez e descartar as DST.

Anônimo disse...

Alexandre sou o anônimo acima, desculpe pelo transtorno, mas esqueci de dizer uma coisa.
A gorota que fez sexo oral em mim usa aparelho na boca e meu pênis estava machucado e se o sangue da boca dela tiver entrado em contato com o machucado do meu pênis?
Desculpe por mais essa dúvida.

Alexandre disse...

Anônimo, você está percebendo que está atrás do "SE" isso "SE" aquilo...não vai te levar a nada, pois "SE" você pensar direito, caso ela tenha sangrado, AMBOS CORRERAM RISCO, pois seu machucado TAMBÉM PODERIA TER SANGRADO e da mesma forma que ela 'poderia' ter hiv, você também 'poderia'.
Aceite minha sugestão e procure um urologista e pare de 'achar', já que um médico lhe dará certeza e não 'suposição' ok.

Anônimo disse...

Caro amigo Alexandre, primeiramente, parabéns pelo blog. Venho lhe perguntar o seguinte:

No início desta semana mantive relações com uma garota de programa. Ela fez um pouco de sexo oral em mim, sem a camisinha, em seguida colocou a camisinha e fez mais sexo oral. A penetração ocorreu com a camisinha, o tempo todo. O problema é que durante a transa cheguei a beijar a boca dela, beijos rápidos, mas foram beijos.

Estou desesperado. Não consigo trabalhar, dormir, estudar. Minha vida está um caos, já pensei até mesmo em suicídio. Para piorar a situação, sofro de síndrome do pânico.

Já decidi fazer o exame. Devo procurar logo um infectologista?

Por favor me ajude!

Abraços,

Sávio Lima.

Anônimo disse...

Olá de novo Alexandre, sou a anônima do dia 24 de Agosto, o resultado do teste deu negativo para VIH-1 e VIH-2, apenas diz que foi feito pelo método Elisa (não sei de que geração) e a enfermeira falou que esse teste dá 100% de certeza até três mess atrás e 90% de três meses até três semanas atrás, acha que posso ficar descansada?
Quanto aos factores que mencionou, não sei se ele será portador do vírus ou não (há sempre essa dúvida), que eu saiba ele não tinha feridas no pénis, ele não ejaculou na minha boca, eu também somente tinha aquela ferida, nunca senti sabor de sangue e logo em seguida do acto passei a boca somente por água. Mas me diga uma coisa, é verdade que a saliva inactiva o vírus? Obrigado por todos estes esclarecimentos e irei fazer o que me recomendou: fazer exames para outras DSTs e daqui a dois meses fazer o teste ao HIV de novo para ficar mesmo descansada pois tem sido um pesadelo na minha vida.

Alexandre disse...

Sávio, obrigado!
Responda uma pergunta a sí mesmo...SE NÃO FOSSE UMA GAROTA DE PROGRAMA VOCÊ ESTARIA APAVORADO DESSE JEITO?
Amigo, você NÃO correu risco algum e como cita que sofre de síndrome do pânico, seria aconselhável você procurar um psiquiatra para poder ser ajudado e se ajudar.
E aceite uma sugestão...não procure mais relacionamentos com garotas de programa, para evitar ficar achando que elas vão lhe transmitir algo, ok.

Abraços

Alexandre disse...

Olá anônima, acredite no que a enfermeira lhe disse e mais ainda...NOS RESULTADOS DOS TESTES, TODOS NEGATIVOS QUE COMPROVAM QUE VOCÊ NÃO TEM HIV.
Faça seus exames e testes para DST, esqueça o assunto e a partir de agora use preservativo em todas as relações sexuais, inclusive oral.
A saliva não inativa o vírus, ela DIMINUI o poder de infecção do mesmo, ok.

Retome a sua vida e use esse 'susto' como experiência.

Abração.

Anônimo disse...

Alexandre,
Ha um mes tive uma relação de sexo oral passivo com uma gp, 3min. no max e ejac. nela, cheguei em casa verifiquei que não tinha nenhum machucado, mas não posso garantir que ela não tenha, um pouco de sangramento, qual o risco, ja aconteceu de alguem se contaminar assim?, pelo HIV eu digo!!

Alexandre disse...

Anônimo, pense comigo...foi a garota que fez oral em você e recebeu a sua ejaculação, correto? Portanto quem correu risco FOI ELA não você.

Anônimo disse...

Obrigado! Alexandre, é que na minha cabeça penso que é muito comum um pequeno sangramento na boca,por isso pergnto se ja ouve algum caso desse tipo de contaminação.
Obrigado!!

Anônimo disse...

bom dia alexandre gostaria que me tirasse uma duvida
tive relaçoes com um garoto tudo foi de camisinha mais quando coloquei a camisinha percebi que ficou um pouco do liquido seminal melando a parte externa da camisinha mesmo assim fiz o sexo oral nele como preliminar ou ve o gozo ai ele tirou a camisinha ai de pois pra ele poder me fazer gozar tive que ter extimulaçao anal como o dedo enquanto ele fazia o sexo oral em mim
agora vem a pergunta houve risco nesses dois atos e se o dedo dele tivesse com um pouco de semen?
por favor me responde eu to em colicas.
obragada.

Alexandre disse...

Anônimo, sinceramente eu não acredito que houve risco para HIV, talvez para DST, porém isso não vai lhe tirar as cólicas. Portanto, faça o teste de HIV e vá a um urologista/ginecologista para descartar as DST, assim você desencana de vez, ok.

Abraços

Alexandre disse...

Anônima, é uma decisão somente sua, mas você deve estar convencida que dessa forma viverá em paz, pois viver na dúvida lhe garanto que isso sim é um inferno, porém fazendo o teste e os exames, você se livrará da dúvida de uma vez por todas e com certeza sua paz voltará...o que você prefere?

Abraços

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 493   Recentes› Mais recentes»