"Se você preferir clique no vídeo para desligá-lo"


"COM A PALAVRA, QUEM DESCOBRIU O HIV"

"Ainda há um longo caminho a percorrer para encontrarmos a vacina"

Uma das cientistas que "descobriu o vírus HIV" e premio Nobel da Medicina Françoise Barre-Sinoussi afirmou hoje que ainda há um longo caminho a percorrer para encontrar uma vacina contra o HIV/AIDS, apesar dos avanços dos últimos anos.
Na abertura da XVIII Conferência sobre Aids, que está acontecendo em Viena (Áustria), Françoise disse que a pesquisa sobre uma vacina profilática não tem sido um fracasso total, já que é uma forma de acumular conhecimento. Alertou que, entre outras incógnitas, "não se sabe que resposta imunológica causaria uma vacina para prevenir a infeção". 
A descobridora do HIV, rejeitou a noção de “cura” relativamente a este vírus e considerou que seria desejável que as pessoas pudessem viver com esta infeção sem serem medicadas permanentemente.
“Reduzimos a mortalidade dos infetados com HIV em 85 por cento no Ocidente, mas parte dos doentes sujeitos a tratamentos antirretrovirais contínuos sofrem efeitos secundários, como doenças cardiovasculares e, mais frequentemente, câncer”, afirmou.

FONTE : XVIII Conferência sobre Aids - 2010/Viena.

Nenhum comentário: